terça, 25 de setembro de 2018
Trabalho
Compartilhar:

Trabalho infantil cresce 100% na Paraíba

Celina Modesto e Ainoã Geminiano / 14 de novembro de 2015
Foto: Assuero Lima
O trabalho infantil cresceu 100% em apenas um ano na Paraíba. Em 2013, eram 2 mil crianças entre 5 e 9 anos de idade trabalhando no estado, sendo que todas atuavam no setor agrícola. Em 2014, o número pulou para 4 mil crianças na força de trabalho na Paraíba, sendo 3 mil em trabalhos da área agrícola e mil em trabalhos não-agrícolas. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) 2014, divulgados ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O levantamento apontou que a quantidade de crianças e adolescentes dos 10 a 14 anos que trabalham na Paraíba também aumentou: de 15 mil em 2013 para 36 mil em 2014 - ou seja, 140% a mais considerando o período de um ano. Somando-se as duas faixas etárias avaliadas pela pesquisa, em 2013 eram 17 mil crianças e adolescentes de 5 a 14 anos trabalhando no estado, enquanto em 2014 foram contabilizadas 26 mil.

O índice de pessoas com 15 anos ou mais de idade consideradas economicamente ativas cresceu 7,41% na Paraíba, passando de 1,794 milhão em 2013 para 1,927 milhão em 2014. Considerando que o total de pessoas com 15 anos ou mais de idade foi de 3,021 milhões no estado, 63,79% é formado por economicamente ativas. Em 2013, o percentual de economicamente ativos em relação ao total de pessoas na faixa etária era de 59,90%.

Leia a reportagem completa no jornal Corrieo da Paraíba

Relacionadas