sexta, 22 de janeiro de 2021

Economia
Compartilhar:

Superintendente do Detran diz que solução para os Gravames deve sair até 15 de maio

Érico Fabres / 19 de abril de 2017
Foto: Arquivo
O superintendente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB), Agamenon Vieira, afirmou nesta terça-feira (18) que semana que vem deve haver um encontro com Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi) para resolver em definitivo a operação do Sistema Nacional de Gravames (SNG). O prazo estabelecido para que se chegue a um consenso é dia 15 de maio.

Em novembro, uma comissão de capacitação técnica formou uma mesa permanente de discussão, para auxiliar no trabalho das empresas Bunkertech e Fenaseg/Cetip no Sisgrav (novo sistema), com sincronização para alimentação das duas bases.

O vice-presidente da Fenabrave-PB, José Carneiro, afirmou que não foi convocado pelo Governo para discutir sobre a questão e que, à época da polêmica sobre a emissão do Gravame, deixou de circular na economia paraibana um valor estimado em R$ 220 milhões, inclusive, com perdas para o próprio Governo, que deixou de arrecadar com o ICMS (imposto sobre Circulação de Mercadorias) - estimativa de R$ 30 milhões. O prejuízo dos concessionários, segundo Carneiro, fica difícil mensurar, tendo em vista as características de cada empresa.

"Nós vamos fazer de tudo para que as concessionárias não deixem de vender financiado como aconteceu no ano passado, por isso estamos tentando chegar a um acordo antes que finde o prazo", disse o superintendente.

Relacionadas