segunda, 21 de setembro de 2020

Economia
Compartilhar:

Produção de cana deve ser 0,4% maior e expectativa é de 7,1 milhões de toneladas

Érico Fabres / 10 de outubro de 2015
Foto: Arquivo
Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) mostrou que a produção de cana de açúcar deve ter um crescimento de 0,4% em 2015. Com isso, elevam-se as perspectivas para a Paraíba, que representa 1% da produção nacional, chegando então aos 7,1 milhões de toneladas do principal produto do Estado. O milho, a mandioca, o feijão e o amendoim são outros itens que possuem representatividade nos números do Brasil.

A perspectiva de queda de produção prevista para o Nordeste, conforme a Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan) havia previsto, não deve atingir a Paraíba. Na perspectiva anterior da entidade, estimava-se 6,7 milhões de toneladas. O maior percentual de representatividade do Estado nos números nacionais é do amendoim, devido à baixa produção no Brasil em relação aos outros produtos.

Incrementos em três produtos em relação a 2014

Os incrementos de produção mais significativos, em números absolutos, superior a dois milhões de toneladas, na comparação com a safra 2014, ocorreram para a cana-de-açúcar (19.726.445 t), soja (10.500.454 t) e para o milho 2ª safra (6.759.666 t). Dentre os 26 principais produtos, 15 apresentaram variação percentual positiva na estimativa de produção em relação ao ano anterior: amendoim em casca 1ª safra (6,3%), amendoim em casca 2ª safra (7,2%), arroz em casca (3,4%), aveia em grão (49,2%), batata inglesa 1ª safra (2,8%), café em grão - arábico (1,0%), cana-de-açúcar (2,9%), cebola (5,0%), cevada em grão (22,7%), laranja (9,5%), mamona em baga (130,8%), mandioca (1,7%), milho em grão 2ª safra (13,9%), soja em grão (12,2%) e trigo em grão (9,8%).

Com variação negativa foram 11 produtos: algodão herbáceo em caroço (3,8%), batata inglesa 2ª safra (1,5%), batata inglesa 3ª safra (11,9%), cacau em amêndoa (10,6%), café em grão - canephora (20,0%), feijão em grão 1ª safra (8,9%), feijão em grão 2ª safra (3,8%), feijão em grão 3ª safra (4,5%), milho em grão 1ª safra (3,1%), sorgo em grão (9,3%) e triticale em grão (14,7%).

safra

Relacionadas