sexta, 18 de setembro de 2020

Economia
Compartilhar:

Preços dos exames médicos podem doer no bolso e mexer com a saúde dos pacientes

Redação com assessoria / 22 de setembro de 2015
Foto: Divulgação
Os preços dos exames médicos encontrados em João Pessoa durante pesquisa realizada Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) só revelam uma coisa: a saúde dos pacientes pode ficar ainda pior quando eles descobrirem que estão pagando até 137% mais caro por um procedimento. E o raio-x é o mais problemático podendo variar entre R$ 40 e R$ 95, uma diferença de R$ 55. Significa que se não houver pesquisa o consumidor pode pagar em um único exame o preço de fazer dois.

CONFIRA AQUI A PESQUISA NA ÍNTEGRA

A pesquisa levantou preços nas policlínicas do Valentina Figueiredo (Valentina Figueiredo), Amip (Centro), São Lucas (Jaguaribe), São Luiz (Jaguaribe), Mangabeira (Mangabeira) e Jaguaribe (Jaguaribe)

A menor variação, 10%, foi encontrada no exame de endoscopia, com valores entre R$ 150,00 e R$ 165,00, diferença de R$ 15,00. Para o secretário Helton Renê, o consumidor deve ficar atento porque “mesmo as policlínicas cobrando valores mais populares, ainda assim há diferenças consideráveis nos preços de exames e consultas, e consultando a pesquisa do Procon-JP a pessoa pode economizar ainda mais, principalmente nos casos que considera de urgência”.

As maiores variações

Consultas geriátricas - 115,00% (preços entre R$ 65 e R$ 140)

Exame admissional - 100% (preços entre R$ 35 e R$ 70)

Audiometria - 100% (preços entre R$ 20 e R$ 40)

Neurologia - 75% (preços entre R$ 80 e R$ 140)

Psiquiatria - 66,7% (preços entre R$ 90 R$ 150)

Relacionadas