sexta, 22 de janeiro de 2021

Economia
Compartilhar:

Cai inadimplência em escolas particulares na Paraíba

Edson Verber / 30 de janeiro de 2018
Foto: Divulgação
A rede privada de ensino na Paraíba começou o ano comemorando uma queda de 20% no índice de pais inadimplentes, caindo de 30% para 10% em relação ao ano passado. No entanto, conforme afirmou o presidente do Sindicato das Escolas Particulares da Paraíba, Odésio Medeiros, o “estrago já havia sido feito”. Segundo ele, no auge da crise, 15 escolas fecharam na Grande João Pessoa, principalmente em bairros como dos Estados e Bancários; também em Santa Rita e Bayeux.

Um dos colégios mais tradicionais de João Pessoa foi um dos que não suportou a crise, com a inadimplência alta e a redução no número de alunos. O João XXIII - com 60 anos, no Róger -, além do Viva a Vida, no Bairro dos Estados fecharam. “No interior os efeitos foram menores porque tem menos escolas”, afirmou Odésio Medeiros.

De acordo com o dirigente, a queda na inadimplência se deve, em especial, pelo rigor no ato da matrícula dos alunos. “Tivemos que tomar a medida de não matricular alunos com pais em débito. Isso fez a média cair 20%, passando para 10% atualmente”, admitiu o empresário.

Odésio Medeiros destacou a parceria firmada com o Procon de João Pessoa - que mediou as negociações com os inadimplentes - e medidas de saneamento adotadas pelos gestores das escolas, melhorando a situação.

Relacionadas