sábado, 23 de janeiro de 2021

Economia
Compartilhar:

25,4 mil paraibanos têm direito a sacar FGTS inativo nesta sexta-feira; saiba como fazer

Mislene Santos com assessoria / 09 de março de 2017
Foto: Arquivo/Ilustração: Aline Melo
 

Mais de 160 mil trabalhadores paraibanos  terão direito ao saque de contas inativas do FTS. Isso significa uma injeção de R$ 149.071.677,08 na economia do Estado. Para os trabalhadores nascidos em Janeiro e Fevereiro o pagamento começa nesta sexta-feira (10). Pelos menos 25.492 pessoas podem fazer o saque nesse primeiro momento. As informações são da assessoria de imprensa da Caixa Econômica Federal (CEF).

Está prevista a abertura antecipada em duas horas de todas as agências da CAIXA nos dias 10, 13 e 14 de março para pagamento exclusivo de contas inativas do FGTS.

Na Paraíba serão onze Agências que terão atendimento exclusivo no próximo sábado (11): Em João Pessoa a Agência Cabo Branco e Trincheiras (região do centro), Cruz das Armas e Epitácio Pessoa. Ainda na Região metropolitana da Capital as Agências Bayeux (Av. Liberdade) e Santa Rita (Av. Flávio Ribeiro Coutinho). A Agência Campina Grande (Rua Epitácio Pessoa) e Agência Borborema em Campina Grande.  As Agências Patos (Shopping Guedes), Sousa  e Cajazeiras completam a relação.

Canais de pagamento e documentação:

Valores até R$ 1.500,00 podem ser sacados no autoatendimento, somente com a senha do Cidadão. Para valores entre até R$ 3.000,00, o saque pode ser realizado com o Cartão do Cidadão e senha no autoatendimento, lotéricas e correspondentes CAIXA. Acima de R$ 3.000,00, os saques devem ser feitos nas agências CAIXA.

Para facilidade no atendimento, os trabalhadores devem sempre ter em mãos o documento de identificação e Carteira de Trabalho, ou outro documento que comprove a rescisão de seu contrato. Para valores acima R$ 10 mil é obrigatória a apresentação de tais documentos.



Quem pode sacar:

De acordo com a MP 763/16, o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015 pode sacar o saldo da conta vinculada, estando ou não fora do regime do FGTS, respeitado o calendário publicado pela CAIXA. Antes da MP, o trabalhador somente poderia sacar caso permanecesse três anos fora do Regime do FGTS ou em caso de aposentadoria, utilização para moradia ou doenças previstas em lei.

As demais regras de saque das contas ativas não sofreram modificação, ou seja, o saque de contrato de trabalho vigente só pode ocorrer nos casos de demissão sem justa causa, moradia própria ou aposentadoria, por exemplo.

Cronograma de saque:

O pagamento das contas inativas será realizado a partir de 10 de março e vai até o dia 31 de julho deste ano, de acordo com o mês de aniversário do trabalhador. Veja abaixo o cronograma:



 

As agências selecionadas terão atendimento exclusivo no próximo sábado (11) para realizar pagamento, solucionar dúvidas, promover acertos de cadastro dos trabalhadores e emitir senha do Cartão Cidadão. A relação das agências está no site da CAIXA.

 

 

Relacionadas