domingo, 22 de abril de 2018
Denúncia
Compartilhar:

Caindo aos pedaços, Ponte do Baralho oferece risco à população

Bárbara Wanderley / 27 de Janeiro de 2018
Foto: Nalva Figueiredo
A ponte que passa sobre o Rio Sanhauá ligando os municípios de João Pessoa e Bayeux, na Região Metropolitana da Capital, conhecida como Ponte do Baralho, está caindo aos pedaços. A estrutura de ferro e concreto está bastante deteriorada, há pedaços faltando e todas as partes de ferro estão extremamente enferrujadas, oferecendo risco à saúde de quem encosta. Além disso, os assaltos são uma constante no local.  O problema é antigo e já havia sido denunciado pelo Jornal Correio há um ano.

Centenas de pessoas utilizam a ponte diariamente para transitar entre as duas cidades, como é o caso do pintor de veículos Antônio Carlos Macieira. “Está tudo quebrado, é até perigoso”, comentou ele.

Para Márcia Rodrigues da Silva e Íris Severino da Silva, a ponte oferece pouca segurança. A primeira acha que há perigo de alguma criança cair pelas brechas onde a grade já se desmanchou. Já a segunda, afirmou que há muita ocorrência de assaltos no local.

“Depois de seis horas da noite ninguém passa aqui, aliás, eu passo com medo toda hora. Acredito que se fizesse uma reforma aqui, melhorias, talvez ajudasse a ficar mais seguro também”, disse Íris.

Tombada. Por telefone, o secretário de Infraestrutura da cidade de Bayeux, Ademilson Montes, explicou que a ponte é tombada pelo Patrimônio Histórico e está incluída em um projeto do Governo do Estado de revitalização do Porto do Capim e Rio Sanhauá.

A Superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico da Paraíba (Iphaep), Cassandra Figueiredo, informou que, até o momento, não recebeu nenhum projeto de revitalização da ponte.

A Suplan foi procurada na tarde de ontem pela reportagem, mas as ligações não foram atendidas

Relacionadas