quarta, 27 de janeiro de 2021

Show
Compartilhar:

Raimundos reúnem maior público do Nordeste na turnê “20 anos de Estrada”

Andreia Barros / 25 de abril de 2016
Foto: Divulgação
Uma noite de muitas camisetas pretas, músicas pesadas, rodas de pogo e diversas surpresas. Com o “Puteiro em João Pessoa”, os Raimundos abriram o show histórico na Capital no ultimo fim de semana e reuniram cerca de duas mil pessoas no Espaço Cultural – o maior público da turnê "20 anos de Estrada" em todo o Nordeste, segundo a organização.

Além dos principais sucessos da carreira, como “Eu quero ver o oco”, “Selim” e “Mulher de fases”, juntamente com as novas canções, como “Gordelícia” e “Vida inteira”, a banda mandou Nirvana, Rage Against the Machine, Metallica e fez uma homenagem especial ao cantor Prince, na última quinta-feira (21), com trecho de Purple Rain.  Quem também recebeu homenagem e foi ovacionado pelo público foi o “primo velho e cancrado” Bessanger Abrantes, que protagonizou a história da canção “Puteiro em João Pessoa”. Chamado pelo vocalista Digão, ao som de um triângulo, Bessanger dançou e brincou com o público.

Ao fim do show, que durou cerca de duas horas, Digão, Marquim (guitarra), Canisso (baixo) e Caio Cunha (bateria) foram aclamados, com momentos dedicados a performances instrumentais solo dos integrantes. “São 15 anos fora daqui. Foi a Capital que menos tocamos e que temos muito amor. A parada foi saudosa”, comemorou Digão, após a apresentação. “A gente fez o show com muito carinho. Para a gente é uma honra estar aqui em João Pessoa e não vamos mais ficar tanto tempo sem voltar”, acrescentou.

Os fãs também saíram energizados. O jornalista Ullysses Barbosa era um dos mais animados. Ele ficou bem em frente do palco e dançou e cantou todas as músicas. “Foi um espetáculo incrível aqui no Espaço Cultural, num clima de celebração e muita paz. Valeu demais!”, disse o jornalista. Para a empresária Georgina Luna, foi um belo reencontro com o rock. “O show foi ótimo! Achei a banda super ajustada e num ótimo astral. Vim com meu marido e amigos, relembrei meus 20 e poucos anos. Na realidade sinto falta da boa música, o Espaço Cultural deve trazer ótimas atrações como esta”, comentou.

Após o show, os Raimundos receberam alguns fãs no camarim, como a família do ex-vocalista da banda Rodolfo Abrantes e vencedores da promoção feita pelos organizadores pelas redes sociais. Uma das fãs que saiu encantada foi a musicista Nik Pegorari de Lima. De cadeira de rodas devido a um acidente em 2009, ela fez questão de levar aos músicos o livro que vai lançar em João Pessoa (“Morro do Boi – Das sombras à Esperança”, em que conta a sua história de superação). Os músicos da banda receberam Nik com muito carinho e autografaram sua guitarra. “Os Raimundos foram muito simpáticos e estão me ajudando a divulgar”, contou Nik.

Consagrando a noite de pleno sucesso, o produtor do show Will Fonseca comemorou o resultado do show e do público. “Foi surpreendente para muita gente. Pelo público, está sendo muito elogiado. Para os amantes do rock, foi reviver o momento único. Emocionante ver todo mundo cantando e dançando. Foi épico!”, celebrou Will.

No Roda Viva – No dia anterior ao show, a produção realizou um feito importante não só para os Raimundos, mas até mesmo para a história do rock brasileiro. Pela primeira vez em vinte anos, a banda conhece a famosa boate Roda Viva – hoje chamada Efecto`s, a memorável casa de shows eróticos que fez com que a banda estourasse nacionalmente. A boate fica localizada na BR-230, em João Pessoa.

A convite da produção do show, que articulou a visita com os proprietários e com um dos protagonistas da música, Bessanger Abrantes, eles entraram no local e ouviram diversas histórias. Bessanger conduziu a visita, como um guia turístico, e contou sobre as diferenças da casa de hoje e daquela época. Com o nome Roda Viva, ficou apenas o motel, ao lado da boate, arrendada há 13 anos.  “Muita gente vem aqui só pra tirar foto na porta. O lugar ficou muito famoso por causa da música. Já recebemos turistas até da Europa querendo conhecer o famoso ‘puteiro’ de João Pessoa”, contou o proprietário Edson Arruda.

A produção também convidou alguns jornalistas para registrar o feito e um fã que ganhou a promoção pelas redes sociais para acompanhar a visita. “Eu nunca imaginei estar no Roda Viva com os Raimundos, uma banda que sou muito, muito fã. Isso, para fã, é inesquecível! Vou ficar empolgado com esse dia por muito tempo”, disse o administrador de empresas, Cayan Figueiredo, vencedor da promoção.

No local, os Raimundos, sempre muito bem humorados, aproveitaram e deram uma palhinha da música.  “Entrar aqui é uma nostalgia grande. Eu e Canisso já tínhamos passado na porta daqui, para uma gravação da MTV. Mas hoje foi histórico. Pra gente, foi melhor que conhecer o Louvre”, brincou Digão.

 

Relacionadas