quarta, 14 de novembro de 2018
Música
Compartilhar:

Totonho se apresenta com a Coletivo 401 nesta quinta-feira

André Luiz Maia / 06 de outubro de 2016
Foto: Rafael Passos/Divulgação
O cantor e compositor Totonho é acusado de surrupiar o corpo da banda Seu Pereira e Coletivo 401. O vocalista Jonathas Falcão foi deposto e acusa Totonho de golpismo. Parece uma notícia policial ou de política, não é? Mas tudo não passa de uma grande brincadeira.

No show Golpista, Totonho toca nesta quinta-feira (06) no Café Empório seu repertório junto com os músicos da banda Seu Pereira e Coletivo 401, mais especificamente Victor Rama (bateria), Thiago Sombra (baixo), ChicoCorrea (guitarra e programações) e João Cassiano (percussão).

Ele deve cantar músicas como "Tudo pra ser feliz", “Fax pra cartomante”, além das músicas de seu EP mais recente, Coco Ostentação, lançado no ano passado. Na época, Totonho contou ao CORREIO que seu trabalho mescla a sonoridade nordestina com as batidas eletrônicas.

"Ali tem coco travestido de um monte de coisa. A música nordestina já nasceu como dance music”, afirmou na época.

Algumas das faixas que devem aparecer no repertório de hoje à noite, mas tocadas com arranjos mais orgânicos, devem ser “Rosa da matinha”, “Quero ver cancão piar”, "Mané Bolim" e “Safadezinha”, esta última parceria com Jonathas Falcão, o Seu Pereira.

Totonho e Coletivo 401

Hoje, às 22h. No Empório Café (R. Coração de Jesus, 145, Tambaú – 3247.0110 – http://emporiocafejp.com.br).

Ingressos: R$ 15 (preço único)

Relacionadas