quinta, 14 de dezembro de 2017
Literatura
Compartilhar:

Figura da avó é o centro de livro de contos escrito por Wellington Pereira

André Luiz Maia / 08 de abril de 2016
Foto: DIVULGAÇÃO
A figura da avó, presente no imaginário de todos como símbolo de proteção e acolhimento, foi o ponto de partida para a criação de Vovó nos Protege – Histórias de Crianças para Gente Grande. É o primeiro livro infantojuventil de Wellington Pereira e seu quarto de contos. O professor da UFPB apresenta sua obra hoje no Casarão 34, no Centro de João Pessoa.

O autor, que é conhecido principalmente por sua produção acadêmica – seu livro Crônica: a Arte do Útil e do Fútil o tornou conhecido nacionalmente no meio acadêmico –, teve a inspiração para escrever seu primeiro livro infantil por conta de um episódio familiar. “Estava brincando com meu sobrinho e inventei uma historinha para entretê-lo, chamada ‘O dia em que vovó cobrou o pênalti’. Depois disso, percebi que poderia escrever um livro sobre esse mito da avó”, conta.

Buscando criar uma intertextualidade com outras obras, ele traz figuras como "O Corvo", do poema de Edgar Allan Poe, para um dos contos presentes no livro, o da história de um menino que é protegido por um corvo ao sofrer bullying na escola, sendo que, na verdade, o corvo é a reencarnação de sua avó que morreu.

“Vovó nos protege”

De Wellington Pereira

Lançamento hoje, às 19h.

Na Casarão 34 (Pça. Dom Adauto, 34, Roger, João Pessoa – 3218.9708).

Entrada franca

Leia Mais

Relacionadas