domingo, 19 de maio de 2019
Cultura
Compartilhar:

Galeria Parahyba está com sua primeira coletiva em cartaz até fevereiro

André Luiz Maia / 09 de janeiro de 2018
Foto: DIVULGAÇÃO
Um novo espaço expositivo das artes visuais está aberto em João Pessoa. É a Galeria Parahyba, localizada na Av. Guarabira, em Manaíra. Para celebrar esse momento, está aberta até fevereiro a exposição coletiva Quimera, com 10 artistas paraibanos ou radicados no estado.

O público que puder visitar a galeria poderá encontrar obras de artistas como Alena Sá, Flávio Tavares, Alberto Lacet, Giordano Germoglio, Cristina Strapação, Chico Ferreira, Margarete Aurélio, Dyógenes Chaves, Luciano Grisi e Carlos Djalma.

A exposição mescla trabalhos de artistas já consagrados, como Flávio e Cristina, com obras de novos artistas. “Um deles é o Luciano Grisi, por exemplo, que faz esculturas em madeira muito bonitas. A gente quer expor artistas novos, incentivar esses nomes, já que há restrição aos novos trabalhos. Muitas vezes os jornais e a mídia não querem cobrir exposições de artistas iniciantes”, explica Maristela Mendonça, marchand e uma das proprietárias da Galeria Parahyba.

Ela já traz uma larga experiência na área, já que conduziu por quase duas décadas a Galeria Artenossa, levando artistas paraibanos para apresentarem seus trabalhos em outros países como a Grécia. “Era uma maneira de valorizar os artistas locais, já que o circuito das artes por aqui é complicado”, relembra.

Relacionadas