sábado, 28 de novembro de 2020

Cinema
Compartilhar:

Cerimônia do Oscar 2016 será marcada pela sombra incômoda do #OscarSoWhite

Folhapress / 28 de fevereiro de 2016
Foto: Divulgação
Os vencedores só serão conhecidos na noite de hoje, mas já dá para apontar um motivo pelo qual o Oscar 2016 não será esquecido – e é porque “deu branco”. Entre os 20 concorrentes a melhor ator e atriz (principal e coadjuvante) não há nenhum negro, latino ou asiático, parcelas expressivas da população dos EUA.

E o favoritismo de Alejandro G. Iñárritu (O Regresso) para diretor?, você poderia argumentar – seria, afinal, o terceiro Oscar seguido dado a um mexicano na categoria. Tem isso. Em compensação, mulher nesse páreo? Nenhuma.

A ausência de negros (dos oito filmes indicados, nenhum foi dirigido por um) monopolizou o debate sobre a dificuldade da Academia em contemplar minorias. Se o holofote pairou na campanha #Oscars SoWhite, mais desfalques históricos não passaram batido.

Leia mais no jornal Correio da Paraíba

Relacionadas