quarta, 26 de junho de 2019

Pessoa Júnior
Compartilhar:

Tranquilo

12 de junho de 2019
A torcida pediu e o Botafogo fez o seu dever de casa bem feito na rodada do fim de semana pela Série C do Campeonato Brasileiro. Ganhou do Globo-RN por 3x1 e se manteve no G-4 na acirrada disputa pelo acesso. Ainda bem que o time comandado por Evaristo Piza venceu e jogou para escanteio aquela desconfiança que começava a tomar conta dos torcedores, em função dos erros cometidos contra o Fortaleza, na final da Copa do Nordeste e no confronto com o Confiança, em Aracaju-SE.

Evaristo Piza visualizou bem os erros cometidos pelo Botafogo, treinou forte ao longo da semana passada e no domingo chegou ao Almeidão com algumas mudanças no time titular. O que planejou deu certo, pois o Belo rendeu muito mais e construiu um resultado positivo com autoridade, diante de um adversário que tem a suas qualidades na corrida por uma vaga no G-4. Mas ao longo dos 90 minutos o Botafogo foi melhor e saiu de campo com um resultado justo e que serve de motivação para o próximo desafio.

E por falar em novo desafio, o Botafogo terá pela frente o Náutico, que é um adversário bem conhecido e que precisa do resultado para se fortalecer na competição e ganhar a confiança da sua torcida. Com certeza será um adversário muito difícil e cabe ao técnico Evaristo Piza pedir muita cautela aos seus comandados do primeiro ao último minuto de jogo. Tem tempo suficiente para conscientizar o seu grupo e atender as expectativas dos torcedores que sonham com mais um resultado positivo na Série C.

Mesmo se tratando de um adversário qualificado, o Náutico não é um adversário imbatível. O meu amigo José Higyno Guerra (Guerrinha) que é um torcedor apaixonado do Timbu sabe disso e não canta vitória antes do tempo. Ao Botafogo resta treinar enquanto o tempo está a sua disposição para retornar com um resultado positivo. Pelo menos é o que espera a grande nação botafoguense.

Relacionadas