sexta, 20 de setembro de 2019

Lena Guimarães
Compartilhar:

Só se fala de emendas

04 de setembro de 2019
Os vereadores de João Pessoa estão há quase um mês, após retorno do recesso parlamentar, discutindo sobre as emendas impositivas. É que o prefeito Luciano Cartaxo não tem cumprido a emenda à Lei Orgânica do Município, que garante aos vereadores apresentarem emendas ao Orçamento e obriga o prefeito a cumpri-las. Por isso, são chamadas de impositivas.

Esse moído vem desde 2018, especialmente porque a oposição diz estar sendo preterida quanto ao cumprimento. Mas, eu já vi governistas reclamando. Ontem, durante mais uma sessão, os parlamentares voltaram o tema ao debate. Aliás, não se fala em outra coisa no plenário.

O oposicionista Leo Bezerra subiu à tribuna para mandar um recado a Luciano Cartaxo: escute os vereadores de oposição. Eu não diria nem isso. Apenas que cumpra o que a emenda determina. O prefeito tem dito que o orçamento não comporta esse tipo de despesa e que não tem como cumprir.

Léo repetiu que não há diálogo com a bancada oposicionista quando se trata das emendas impositivas.. Ele propôs uma audiência pública para hoje com o tema na pauta e disse ter enviado convite ao Paço Municipal. Pode ficar sem resposta, já que Cartaxo não me parece tão preocupado assim, pelo menos não com esse assunto.

O vereador Bruno Farias é outro que tem reclamado bastante do não cumprimento. “Foram 17 emendas impositivas de minha autoria. Uma sequer foi cumprida”, relatou o oposicionista na tribuna.

Não importa que é oposição ou situação. Se o prefeito alega não ter recursos para cumprir a lei, então não abra a porta apenas para quem está do seu lado. Afinal, oposição e situação, em se tratando de benefícios à população, deveriam ser um só. Ou não? Difícil é se perceber isso. Até quando os gestores vão se pautar por lados.

Os próprios aliados de Cartaxo, a exemplo de Humberto Pontes e Chico do Sindicato confirmaram ontem em plenários que emendas apresentadas por eles, saíram do papel. “As emendas da maioria dos vereadores está sendo concluída. Temos que agradecer ao prefeito”, afirmou Chico do Sindicato. (Sony Lacerda)

TORPEDO

"Quem não foi, tinha suas motivações e razões. Talvez seja a volta da máxima do ex-governador que a roda está girando. Eu acho que não tem que estar cobrando. As motivações que levaram ao evento tenham sido a própria justicativa para alguns não terem participado."

Do líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Barbosa, sobre a ausência de ‘aliados’ no evento coordenado por Ricardo Coutinho, em Monteiro, no último domingo

Encangados

E falando de ausências, o ex-governador Ricardo Coutinho sobre o assunto, em entrevista. “Há dois anos, esses mesmos políticos estavam encangados em mim e no ex-presidente Lula quando a obra foi entregue”.

Sou de paz

O deputado Walber Virgulino afirmou que sua forma de fazer política é de paz. Foi a resposta ao ser perguntado se pegaria ‘pesado’ com o ex-governador Ricardo Coutinho, caso os dois disputem a Prefeitura de JP.

Criatura agora é criador

Virgulino afirmou que o governador João Azevedo deveria ter uma “posição mais austera” em relação às denúncias da Operação Calvário. “Ele tem que efetivamente assumir o posto de governador”.

Briga 1

A briga interna do PSB está deixando os aliados preocupados. Será? O deputado federal Damião Feliciano disse que a vice-governadora Lígia Feliciano tem pregado a união. Resta saber se os envolvidos querem se unir...

Briga 2

“Essa briga não é boa pra gente, nem para os paraibanos. O ex-governador Ricardo Coutinho e o governador João Azevêdo são pessoas de nível intelectual elevado, sabem a responsabilidade que têm”, disse Damião.

Suou

Cida Ramos penou ontem para que os colegas derrubassem o veto do Governo a um projeto de sua autoria que obriga a presença de equipe médica com ambulância em competições oficiais de atletas paraolímpicos.

Prevenção

O vereador Milanez Neto fez um chamamento à população, entidades, órgãos e gestores públicos a participarem da campanha, além de anunciar sessão especial da CMJP, sobre a prevenção ao suicídio.

ZIGUE-ZAGUE

< Os novos cenários do segmento de saúde no Brasil serão debatidos durante o ‘Saúde Expo Summit 2019’, que acontece em João Pessoa, de 7 a 9 de novembro.

> O deputado Felipe Leitão disse ontem que o prefeito de Cabedelo é que rompeu com ele, após ingressar no Democratas, no último domingo. Eita!!!

Sony Lacerda e Equipe CORREIO

Relacionadas