sábado, 24 de outubro de 2020


Edinho Magalhães
Compartilhar:

Senado marca votação com sistema ‘drive-thru’ para segunda quinzena de agosto

28 de julho de 2020
A página do Senado desta segunda, 27, confirmou a notícia antecipada por esta coluna de que as sessões de votações presenciais voltariam a se realizar a partir da segunda quinzena de agosto, “a depender das condições de saúde em Brasília”.

A informação veio pelo Secretário Geral da Mesa - SGM, Luiz Fernando Bandeira de Mello que esclareceu: “não serão sessões presenciais, mas apenas votações presenciais”.

Bandeira se refere ao cumprimento de uma exigência Constitucional (art.52) que são votações secretas - possíveis apenas de modo presencial e não virtual - para a indicação de autoridades (Ministério Público, Agências Nacionais, Embaixadores, etc).

Para que a votação ocorra de maneira segura, evitando o contágio por coronavírus e preservando os senadores dos grupos de risco, o Senado vai oferecer terminais de votação fora do Plenário, incluindo a alternativa de votar sem sair do carro, “votação Drive-Truh”.

O Secretário informou que foram montados sete terminais de votação secreta fora do Plenário, sendo três deles para votação de dentro do carro, na Chapelaria, exclusivos para os senadores do grupo de risco, como o paraibano José Maranhão, decano do Senado que completará 87 anos no próximo dia 6 de setembro.

Os outros quatro terminais ficarão distribuídos entre a Barbearia, no térreo, e o Salão Azul, em frente ao Plenário, para uso de qualquer Senador.

“O Senador só irá entrar no plenário para votar, se quiser”, declarou.

Bandeira acrescentou que as medidas de tecnológicas, como a biometria, estarão garantidas: “a idéia principal é dar condições aos senadores de votarem com segurança nessa esforço concentrado que estamos preparando para a segunda quinzena de agosto, ou mais para o final do mês, ressaltou o Secretário Geral da Mesa.