sexta, 19 de abril de 2019

Sony Lacerda
Compartilhar:

Ricardo falou

20 de março de 2019
O ex-governador Ricardo Coutinho resolveu quebrar o silêncio ontem e falou sobre os últimos acontecimentos envolvendo a Operação Calvário, já que as investigações atingem o seu governo.

Sob aplausos, durante um evento do Governo do Estado, o socialista disse uma frase que ficou conhecida diante do caso envolvendo a ex-vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, assassinada por questões políticas: “Ninguém solta a mão de ninguem”. Ricardo também falou sobre intimidação. “Nós não temos medo desta campanha de difamação que fazem contra o governo e contra pessoas na internet.

Sobre a ex-secretária Livânia Farias, o ex-governador preferiu não se aprofundar e justificou afirmando que não tinha procuração para falar por ela. Apenas disse que sua fala se tratava de uma demonstração de solidariedade, mas uma solidariedade pelo estado democrático de direito.

O socialista aproveitou ainda para fazer a defesa do seu governo, afirmando que em meio de todas as turbulências, qualquer um pode perceber que no Hospital de Trauma não tem nenhuma maca retida, perceber o denodo, o compromisso com que os funcionários trabalham atendendo cada um dos que necessitam de atendimento. Conforme Ricardo, não existe uma acusação sobre isso.

Para o governador, os últimos acontecimentos têm a finalidade de desestruturar o Estado. “Talvez alguns tenham inveja daqueles estados que nem a folha de pessoal conseguem mais pagar. Talvez alguns pelo fato de tão terem as ideias para sensibilizar o povo desse estado, estejam querendo exclusivamente a turbulência para que possam surgir como salvadores de uma pátria que eles destruíram”, observou.

A fala de Ricardo se traduz na indignação dos socialistas pela prisão da ex-secretária, mas também é a palavra de ordem e convocação pela unidade dos girassóis.

Pancada na ALPB

Os deputados de oposição se revezaram na tribuna da Assembleia Legislativa ontem e não pouparam o Governo do Estado sobre a nova fase da Operação Calvário que levou para a prisão a ex-secretária da Administração, Livânia Farias. Wallber, Cabo Gilberto, Camila, Tovar e Anderson cobraram ainda um posicionamento mais transparente do governador João Azevêdo. O líder governista na Casa, Ricardo Barbosa, teve trabalho para fazer a defesa.

Em Brasília

O deputado estadual Eduardo Carneiro representou a Assembleia Legislativa da Paraíba na instalação da Frente Parlamentar Mista Ética Contra a Corrupção na Câmara Federal. Segundo destacou Eduardo, a Organização das Nações Unidas apontou que o Brasil perde cerca de R$ 200 bilhões com esquemas de corrupção por ano.

Lembrança

Deputados prestaram ontem homenagem póstuma ao ex-presidente da Casa, Rômulo Gouveia. Caso estivesse vivo, Rômulo completaria 54 anos neste dia 19 de março. O presidente Adriano Galdino revelou sentir saudade do amigo e destacou a forma peculiar de fazer política do ex-deputado federal. “Fazia política fazendo amigos e criando laços”.

Posse na Capital

O suplente de vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD) tomou posse, ontem, após o titular da cadeira, Luís Flávio (PSDB), solicitar licença para tratamento de saúde e para cuidar de interesses pessoais. Esta é a segunda vez que Marmuthe assume uma cadeira na Câmara Municipal nesta legislatura. O parlamentar já ocupou a vaga deixada pela vereadora Eliza Virgínia (PSDB), quando esta licenciou-se do cargo para assumir vaga na Assembleia Legislativa.

Parcerias

O presidente do TJPB, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos esteve ontem com o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, vereador João Corujinha, que o recebeu com comitiva de vereadores. Márcio Murilo disse que o Tribunal pretende avançar nas parcerias com a Câmara Municipal. “Estamos tentando incrementar as parcerias que forem benéficas aos jurisdicionados paraibanos”.

Corrupção

O TJPB está apoiando a III Semana Municipal da Transparência Pública e Combate à Corrupção, promovida pela Prefeitura Municipal de João Pessoa. O evento acontece até o dia 22 no auditório do Centro Administrativo Municipal (CAM), no Bairro de Água Fria. A gerente de Controle Interno do TJPB, Rossana Guerra de Sousa, proferiu palestra sobre o tema “Gestão e Controle na construção de uma nova sociedade”.

Relacionadas