sexta, 14 de agosto de 2020


Hermes de Luna
Compartilhar:

Pré-candidaturas em JP se mexem e vitória da Paraíba no STF

19 de junho de 2020
Vitória da Paraíba no STF, mas ainda tem o mérito para julgamento

O Supremo Tribunal Federal determinou que a Justiça Federal siga com a ação e julgue pedido do Governo Estado para que o Governo Federal repasse mais de R$ 2,4 bilhões para área de educação.  O valor é referente à diferença de cálculo que ocasionou repasses ao Estado de valores menores originários do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), desde 1998, prejudicando diretamente as ações desempenhadas pela Secretaria de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia.

A ação foi suspensa na Justiça Federal, mas o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, entendeu que há prejuízos à administração pública e acatou o pedido da Procuradoria Geral do Estado. LEIA MAIS AQUI. 

***

Pré-candidato 'tucano' acelera debate sobre propostas para cidade de João Pessoa

Enquanto a pandemia não passa, os partidos vão se adaptando aos novos tempos. O pré-candidato a prefeito de João Pessoa pelo PSDB, deputado federal Ruy Carneiro, tem trabalhado na montagem do plano de governo, que será referendado na convenção partidária e apresentado ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), quando do registro oficial de sua chapa. A novidade fica apor conta das salas temáticas virtuais, que inserções de técnicos, pensadores e pesquisadores, debatendo propostas que estarão nesse documento.

Ruy Carneiro reafirmou que o partido já superou a fase de lançamento de pré-campanha e que tem se dedicado a buscar composições e adesões à sua pré-candidatura. "Não haverá nenhuma festa de lançamento de pré-candidatura. Especialmente agora, nesse momento de pandemia, definitivamente, não haverá isso. Aliás, já estava decidido desde o ano passado, como começamos a trabalhar as propostas que, ao invés de festa, focaríamos nos programas, propostas e metas para a cidade de João Pessoa", afirmou.

**

PSDB abre série de capacitação online de pré-candidatos 

Por falar no PSDB, o partido realiza, neste sábado (20), o seminário “Capacitar PSDB Paraíba”. O evento, obviamente, vai ocorrer de forma virtual, em decorrência da pandemia do novo coronavírus, e vai reunir nomes que estarão debatendo sobre as eleições de 2020, para prefeitos e vereadores.

A primeira edição vai abordar as questões do Direito Eleitoral. Entre os palestrantes estão o mestre, doutorando em Direito Processual Civil e advogado com atuação em Tribunais de Conta, Caio Oliveira, trazendo como tema para o debate 'As decisões dos Tribunais de Contas e seus reflexos no Direito Eleitoral'.

Para falar sobre 'As eleições Municipais 2020 e os Partidos Políticos: um compromisso com a democracia”, o convidado é o doutor em Direito Tributário pela PUC/SP, professor de Direito Tributário da UFPB e ex-procurador geral do município de João Pessoa, Geilson Salomão; já o advogado eleitoral, membro do Instituto de Direito Eleitoral da Paraíba (IDEL/PB) e ex-procurador geral do município de Santa Rita, Lincoln Mendes, vai tratar sobre 'As principais alterações que impactam nas eleições municipais de 2020'.

Para o presidente do PSDB na Paraíba, o deputado federal Pedro Cunha Lima, o momento é de se reinventar e contribuir para minimizar os danos provocados pelo novo coronavírus. “Temos que evitar a realização de encontros com aglomerações de filiados em locais fechados, mas não podemos deixar de atuar e, neste quesito, podemos contar com o auxílio das plataformas digitais, que têm sido uma grande aliada para execução dos nossos trabalhos neste momento de distanciamento social”, destacou.

O evento, que contará com a presença de toda bancada de deputados estaduais e federais da Paraíba, é destinado para prefeitos, vice-prefeitos e representantes de todos os diretórios e comissões provisórias do PSDB no Estado. O evento está marcado para começar às 14h e será realizado pela plataforma Zoom.

***

Pré-candidato petista, Anísio Maia acena para Azevedo e se afasta de Ricardo

Depois de se afastar do PSB paraibano, o Partido dos Trabalhadores acena para o governador João Azevêdo (Cidadania). O PT lançou, esta semana, a pré-candidatura do deputado estadual Anísio Maia a prefeito de João Pessoa. Ele fala em "unificar os partidos de esquerda" e  admite a ideia de conversar com o governador e outras lideranças do Cidadania.

Anísio começou a trabalhar seu nome esta semana, após o aval unânime do PT municipal. O PSB já deu sinais também que terá candidatura própria em João Pessoa e o nome mais ventilado é o da esposa do ex-governador Ricardo Coutinho, Amanda Rodrigues. Ela tem feito aparições frequentes nas redes sociais, numa estratégia de dar mais visibilidade à sua imagem como agente política. Ricardo Coutinho, atolado em denúncias feitos pelo Gaeco no âmbito da Operação Calvário, só entraria nessa disputa se conseguisse se livrar desse rolo judicial, o que é pouco provável.

O suplente de deputado estadual pelo PT acha pouco provável se aproximar do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, até porque o PV deve ter candidatura própria à sua sucessão.