quarta, 13 de novembro de 2019

Lena Guimarães
Compartilhar:

Fórmula de unidade

25 de outubro de 2019
A bancada federal paraibana concluiu ontem a elaboração de emendas impositivas ao Orçamento Geral da União para o próximo ano, no total de R$ 247,6 milhões. Destaque positivo foi o esforço coletivo e o diálogo entre parlamentares de oposição e o governador João Azevêdo para que os recursos cheguem ao Estado em investimentos estruturantes.

O Governo do Estado conseguiu o montante de R$ 71,2 milhões, nas cinco prioridades apresentadas. A principal é a construção do Centro de Convenções de Campina Grande (R$ 23 milhões), seguido de ações em segurança hídrica (R$ 29,5 milhões) e equipamentos para Segurança Pública (R$ 18,7 milhões).

Em visita um a um, o governador discutiu com deputados e senadores os valores necessários ao Estado, destinados por meio de emendas parlamentares. “Esse contato individual tem o objetivo de viabilizar projetos importantes que vão de obras de custeio até resíduos sólidos, hospitais, intervenções em estradas e perfurações de poços. A nossa discussão é sobre o que podemos fazer juntos pelo povo paraibano e é o que estamos buscando em cada gabinete de parlamentar: o compromisso com o seu povo”, disse Azevêdo.

A conversa individual e em grupo já foi prática do governador eleito com vistas ao orçamento em execução. A diferença é que naquela ocasião, era tratada com parlamentares reeleitos, não eleitos ou eleitos para outros cargos. Dos 12 que estão hoje no Congresso, sete (Daniella, Edna, Gervásio, Anastácio, Ruy, Julian e Wilson) não estavam ano passado e agora têm a oportunidade de apresentar emendas após contato com João.

A exceção, por incrível que pareça está dentro de casa. O único deputado do partido do governador, Gervásio Maia, afirma não ter sido procurado por João Azevêdo. Coisas de uma legenda rachada. Resquícios da velha política.

No caso de Julian Lemos (PSL), a conversa rendeu o compromisso de emenda no valor de R$ 16 milhões para investimento em Segurança Pública, área de atuação do parlamentar, que é aliado de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro e presidente estadual do PSL na Paraíba. Em suas redes sociais, o deputado fez questão de atestar no comportamento do atual governador um modo de fazer a nova política, onde as diferenças partidárias são superadas pelos interesses coletivos da população paraibana.

O mesmo atestado de mudança e amadurecimento foi dado pela senadora Daniella Ribeiro, uma das últimas a ser visitada pelo governador. “A postura de amadurecimento, buscar recursos, deixar as diferenças de lado e fazer ações pelo Estado. Esse é o tipo de amadurecimento que a classe política tem que ter de forma geral. (...) Achei muito importante a atitude do governador”, afirmou. Sinais de uma nova Paraíba a caminho. (Damásio Dias)

TORPEDO

"Nós temos que buscar este novo tipo de contato com a população para que as pessoas possam ver como é o trabalho de um parlamentar. Como os membros do partido estão se dedicando às causas que se comprometeram em praça pública durante suas campanhas." Do senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, sobre o projeto “Você no Senado”, criado pela paraibana Daniella Ribeiro.

Atuação 1. O ministro da Justiça, Sérgio Moro, fez um elogio público à atuação das polícias Civil e Militar da Paraíba, além dos Bombeiros e da Polícia Rodoviária Federal na prisão de integrantes do “Novo Cangaço”- quadrilha de assaltos a bancos.

Atuação 2. Na postagem feita no Twiter e repostada no Instagram, o ministro destaca que esse foi mais um duro golpe contra o crime organizado que aterrorizava pequenos municípios do Nordeste.

Licença. A deputada estadual Doutora Paula continua em São Paulo realizando exames e se preparando para realizar duas cirurgias necessárias. A parlamentar vinha sentindo dores insuportáveis no ombro e na face.

Destaque. O deputado federal e líder da Maioria na Câmara, Aguinaldo Ribeiro, voltou a ser apontado como um dos principais parlamentares no Congresso Nacional, integrando a elite do parlamento brasileiro.

Emendas. Os deputados tucanos Pedro Cunha Lima e Tovar Correia Lima, estão empenhados com a causa animal. Na Câmara Federal, Pedro chegou a destinar recursos para a compra de Castra Móveis em municípios paraibanos.

ZIGUE-ZAGUE

A desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, em harmonia com o Ministério Público, negou Apelação Cível interposta pelo Estado da Paraíba e manteve a sentença do Juízo da 6ª Vara da Fazenda Pública da Capital.

A decisão do juiz da 6ª Vara foi pela condenação do Governo do Estado a pagar a um agricultor, preso ilegalmente, uma indenização por danos morais no valor de R$ 30 mil.

(Damásio Dias e André Gomes)

Relacionadas