segunda, 19 de agosto de 2019

Sony Lacerda
Compartilhar:

Foca em 2019!!!

27 de dezembro de 2018
2019 será um ano para o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, se reavaliar politicamente. A bem da verdade, terá que fazer um esforço administrativo para ‘segurar o tranco’ e mostrar um pouco mais do que foi mostrado à cidade nos últimos dois anos. 2019, sim, é um ano pré-eleitoral e como já vimos, praticamente perdido. em 2017, assistimos a um prefeito Cartaxo assumir um segundo mandato e tentar logo em seguida, mostrar à grupo da oposição que era capaz de disputar o Governo do Estado com o candidato ainda não lançado - pelo menos no início - pelo governador Ricardo Coutinho. Depois, assistimos a oposição se desmorar, ou melhor, se partir ao vento. Em 2018, assistimos Cartaxo desistir da disputa, sabe-se lá a que custo pessoal - todos sabem que era um sonho para ele. Sem obter êxito na tentativa de unir a oposição, lançou o nome do irmão gêmeo, Lucélio. Nesse meio tempo, Ricardo lançou João Azêvedo, tido como ‘supersecretário’ e extremamente técnico.

Um aparte: alguém duvida de que o governador esteve preparando João, junto às bases no interior, para ser o candidato dele nesses dois anos? Eu, duvido nada. Esses dois anos deveriam servir de exemplo para Cartaxo nos próximos dois. Caso queira deixar um substituto do grupo que comanda, na Prefeitura de João Pessoa, melhor começar de janeiro e com estratégias bem montadas.

Quem conhece Ricardo, que deixa o Governo dia 31 deste mês, sabe que ele vai sair sim para a disputa. Quando se fala em João Pessoa, os olhos dele brilham e isso não é poesia, é fato. Seria até questão de honra já que até agora o líder socialista não consegui emplacar um indicado seu na prefeitura. Agora, depois de conseguir emplacar João, com folga e no primeiro turno, certamente, não está para brincadeira, como diriam “lá em nós”. Ah! Até o momento, Cartaxo não tem nomes.

Posicionamento

Conversando com Fernando Milanez, o pai, ontem pela manhã, ele deixou escapar que o filho, Milanez Neto, será pré-candidato a prefeito nas eleições de 2020. “Se não a prefeito, estará na majoritária”, disparou. Milanez disse que vai cuidar pessoalmente da campanha do filho. “Não o subestimem. Ele [Milanez Neto] tem posicionamentos”. Milanez Neto é vereador e líder do Governo Luciano Cartaxo na Câmara da Capital.

Aceitou

O governador eleito João Azevêdo deve anunciar antes do fim do ano os outros nomes que irão compor seu secretariado. Entre os nomes estará o do atual secretário de Segurança Pública. Depois de uma conversa ao pé do ouvido, Lima se rendeu ao pedido do governado e aceitou continuar comandando uma das pastas mais importantes do Estado.

Lembrança

O deputado Bruno Cunha Lima, se despedindo da ALPB, disse que gostaria de ser lembrado como um jovem inconformado, movido pelo desejo de provar que é possível fazer acontecer, mesmo dentro da cena desfavorável da política. Para ele, fazer a diferença é necessário. Bruno foi candidato a deputado federal e alcançou a segunda suplência.

Ao vivo

A posse da nova Mesa Diretora da Câmara de João Pessoa, que vai comandar nesse segundo biênio, será às 10h30 do dia 1º de janeiro de 2019. A informação foi dada pelo futuro presidente, vereador João Corujinha. Além dele, tomam posse os vereadores Leo Bezerra (PSB) na 1ª vice-presidência; Fernando Milanez Neto (PTB) na 2ª vice-presidência; Eliza Virgínia (PP) na 1ª Secretaria; Humberto Pontes (Avante) na 2ª Secretaria; e Chico do Sindicato (Avante) na 3ª Secretaria.

Despedida

O primeiro mandato do deputado federal Pedro Cunha Lima foi marcado pela defesa da educação, principalmente por mais investimentos na primeira infância; reforma da máquina pública com a redução dos privilégios do serviço público. Devido a sua atuação, o paraibano foi escolhido pelo Ranking dos Políticos como o melhor deputado federal do Congresso Nacional. No segundo mandato, a educação estará na pauta.

Eletrônicos

Os processos de precatórios em andamento no TJPB passarão, a partir de janeiro de 2019, a tramitar por meio do Processo Judicial eletrônico. Atualmente, todo o acervo encontra-se na forma física. Ato da presidência do TJPB oficializará a implantação do sistema. As informações foram prestadas pelo diretor de Tecnologia da Informação, Giuseppe Guido. As principais vantagens são a transparência, a segurança na tramitação e celeridade.

Relacionadas