terça, 24 de novembro de 2020

Violência
Compartilhar:

Troca de tiros em dois assaltos aterroriza moradores de João Pessoa

Aline Martins / 06 de agosto de 2016
Foto: João Paiva
Dois assaltos ocorridos na manhã de hoje (06), em intervalo de 1 hora, no Centro e no bairro de Manaíra, em João Pessoa, assustaram a população por conta do tiroteio. Em uma das situações, houve perseguição de um bairro a outro. Ninguém ficou ferido. Quatro dos cinco assaltantes responsáveis pelas ações criminosas foram presos pela Polícia Militar e encaminhados para as delegacias. Objetos roubados também foram resgatados e entregues às vítimas.

O primeiro assalto aconteceu em uma loja de surf, na Avenida Dom Pedro II, em frente ao Mercado Central. Uma das proprietárias do estabelecimento, Jackeline Vasconcelos, contou que estava saindo por volta das 7h30, para comprar o café, quando ela e o esposo (também dono da loja) foram abordados por uma dupla. “Tem coisas que a gente já percebe que tem algo de errado. Daí um entrou e disse que queria comprar um pano. Só que eu já senti que era assalto. Meu marido começou a empurrar eles para fora. Ele [o esposo] ficou agarrado com um e o outro também tentava agarrar ele. A todo tempo falava da arma. Eu corri para a rua em busca de socorro. De repente ouvi dois tiros e eles correndo. Achei que meu marido tinha sido baleado, mas graças a Deus não tivemos o pior”, relata.

Quando os criminosos tentaram fugir, uma viatura da Polícia Militar, que estava nas imediações, pegou dois assaltantes, que participaram da ação, e mais um terceiro que deu cobertura ao ficar em um carro de apoio. Eles foram levados para a Central de Polícia Civil, no Geisel. Um dos proprietários foi até a delegacia registrar o boletim. Os assaltantes ainda roubaram um skate da loja. De acordo com a proprietária, a loja já foi alvo dos criminosos há aproximadamente três anos. Semelhante àquela época, Jackeline Vasconcelos também estava grávida como hoje e o assalto deixou-a tão traumatizada que ficou mais de um mês sem poder dormir direito. “Não podia ouvir um barulho de carro ou de moto que já achava que eles vinham de novo. Eles tinham colocado armas na cabeça da gente”, revela.

Em Manaíra...

Já no segundo assalto, duas jovens estavam em uma lanchonete na Avenida João Maurício, na praia de Manaíra, quando dois homens em um moto roubaram o celular de uma delas. Segundo o policial militar, tenente Diego Rodolfo, uma viatura foi acionada e saiu em perseguição aos criminosos. “A gente encontrou eles nos Expedicionários e houve troca de tiros. Um deles foi preso e o outro fugiu. Levamos para o Disp”, conta. De acordo com o delegado plantonista do 1º Distrito Integrado de Segurança Pública (1º Disp) de Manaíra, Fábio Pontes, um dos envolvidos foi preso e autuado pelo crime. Ele explica que a Polícia Militar saiu em perseguição após rastrear o aparelho celular da vítima. “Um deles conseguiu escapar, mas a polícia está em diligência”, frisa.

Relacionadas