sábado, 16 de janeiro de 2021

Trânsito
Compartilhar:

Trânsito de João Pessoa sempre em congestionamento

Bárbara Wanderley / 29 de novembro de 2017
Foto: Nalva Figueiredo
O trânsito de João Pessoa sempre passa por ajustes: vias mudam de sentido, tornam-se mão única, criam-se binários e trechos de BRs terminam sendo usados como ‘grandes avenidas’. No entanto, nada consegue impedir os congestionamentos que se formam nos horários de pico no trânsito, principalmente no início da manhã e final da tarde/começo da noite.

Todos os dias longas filas de veículos se formam em vários pontos da cidade em pontos como a Avenida Pedro II, o Viaduto Cristo Redentor (Sonrisal), a BR 230. Se acontecer algum acidente então, o engarrafamento pode demorar horas para acabar.

“O trânsito em João Pessoa, de uma maneira geral, é péssimo. Os congestionamentos são horríveis e onde eu moro próximo ao Manaíra Shopping, as pessoas estacionam o carro na rua, tem hora que é uma dificuldade para o ônibus passar, isso cria congestionamento também”, disse o professor Antônio Ernesto.

O comerciante Rodolfo de Almeida calcula que, nos horários de pico, gasta 20 minutos a mais no percurso do seu trabalho, no Centro, a sua casa, em Mangabeira. “A gente sofre demais, principalmente nos horários de meio-dia e 17h. Ou a cidade está encolhendo ou os carros estão aumentando. Também percebo que são muitos carros com uma pessoa só ou duas”, comentou.

Não é só aqui

De acordo com o superintendente de Mobilidade Urbana de João Pessoa, Carlos Batinga, o problema não ocorre só em João Pessoa, mas em todas as médias e grandes cidades.

“Isso é resultado de uma política equivocada no Brasil nas últimas quatro décadas, que priorizou o transporte individual motorizado em detrimento do transporte coletivo. É impossível atender todo mundo dessa forma, cada um com seu carro individual”, afirmou.


Relacionadas