sábado, 16 de janeiro de 2021

Trânsito
Compartilhar:

Delegacia recebe boletins sobre acidente na BR-230; sobreviventes estão em estado grave

Aline Martins e Nice Almeida / 23 de maio de 2016
O titular da Delegacia de Acidentes de Trânsito, Francisco Deusditit Leitão, informou que os boletins de ocorrência sobre o acidente na BR-230 que deixou dois mortos e dois gravemente feridis, tanto da Polícia Civil, do plantão, quanto da Polícia Rodoviária Federal, devem ser encaminhado ainda hoje para a delegacia especializada para que inicie as investigações.

“Possivelmente iremos investigar o caso. Obteremos o laudo da perícia quando da PRF e também ouvir testemunhas para concluir o inquérito”, frisou. Também informou que a Polícia Civil vai investigar se há fundamento nas denúncias de testemunhas de que teria ocorrido um “racha” e em seguida provocado o acidente.

O acidente grave envolvendo dois veículos deixou um casal morto e dois feridos no final da tarde de sábado, na BR-230, no trecho que passa embaixo do viaduto Geraldo Mariz, em João Pessoa. A Polícia Civil vai investigar a suspeita de que um dos carros estaria realizando um “racha” com uma caminhonete, teria perdido o controle e colidido com outro carro na pista contrária. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) pede para que, quem souber da placa, denuncie para que se ajude nas investigações. As duas pessoas feridas foram encaminhadas para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, na Capital.

O casal de namorados Meiryelli Egito e o representante comercial Thiago Nogueira, 34 anos, que teve morte imediata, estava em um carro, do modelo Corolla de cor prata, que seguia no sentido João Pessoa/Cabedelo quando perdeu o condutor perdeu o controle, invadiu a pista contrária e colidiu em outro veículo, modelo Corsa de cor vermelha, deixando mais dois feridos, sendo um em estado grave.

Testemunhas contaram a polícia que um dos veículos praticava um “racha” com uma Hillux quando ocorreu o acidente. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram até o local para prestar socorros e limpeza da pista. A PRF pede para que as pessoas que tenham visto a placa da Hillux que estaria com o Corolla realizando o possível “racha” denuncie para que possa ajudar nas investigações.

De acordo com boletim médico do Hospital de Trauma, uma das vítimas está em estado grave e outra em estado regular .

Relacionadas