segunda, 25 de janeiro de 2021

Saúde
Compartilhar:

Resistentes a ir a médicos, homens precisam mudar hábitos para cuidar da saúde

De Assessoria / 28 de novembro de 2017
Foto: Divulgação
Estar vigilante em relação à saúde e manter um estilo de vida saudável são fundamentais para desfrutar de dias mais tranquilos e prevenir doenças e complicações. O alerta é ainda mais importante para os homens, que na maioria das vezes, são mais resistentes a procurar cuidados médicos e a realizar atitudes preventivas do que as mulheres.

Cuidar da saúde contribui para prevenir o aparecimento de doenças e complicações, algumas silenciosas e sem sintomas aparentes.

Conforme o Instituto Nacional do Câncer (Inca), já está comprovado que algumas atitudes incorporadas ao dia a dia ajudam a reduzir o risco de diversas doenças crônicas não-transmissíveis como diabetes e as doenças cardiovasculares (hipertensão, derrame, infarto de miocárdio).

Cuide-se mais. Começar uma atividade física, alimentar-se adequadamente, dormir melhor e usar menos internet e celular são atitudes simples, que podem contribuir para a melhora da saúde e qualidade de vida.

Essas são algumas dicas da campanha Mude1Hábito – um movimento nacional do Sistema Unimed para o incentivo de hábitos saudáveis para toda a população.

O objetivo da campanha é mostrar que as pessoas podem mudar algum hábito e viver com mais saúde.

Relacionadas