domingo, 09 de maio de 2021

Saúde
Compartilhar:

Paraíba registra 20 casos doença causada por resistência a antibióticos

Katiana Ramos / 15 de junho de 2018
Foto: Reprodução
Vinte casos de pessoas contaminadas com bactérias multiresistentes ou panresistentes, que contém a enzima KPC, foram registrados na Paraíba de janeiro a maio deste ano. Presentes em praticamente todos os hospitais, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), esses microorganismos têm como principal aliado o uso exagerado de antibióticos por parte dos pacientes contaminados.

É o que explica a coordenadora da Comissão Estadual de Controle de Infecção em Serviços de Saúde (Ceciss), Ana Campanile. Para ela, falta mais conscientização das pessoas no uso dos antibióticos, incluindo seguir as orientações médicas do prazo adequado e demais informações sobre esse tipo de medicamento.

“A gente tem uso de antibiótico em infecções que não deveriam ser tratadas com esse tipo de substância, por exemplo, muitos remédios desse tipo tratando infecções virais”, disse a coordenadora.

Ana lembrou ainda que os antibióticos estão presente ainda em produtos que fazem parte do dia a dia das pessoas, como carnes, frangos e até mesmo em produtos de higiênicos, como alguns sabonetes.

Ela alertou ainda que é indispensável aos pacientes e também seus respectivos acomapanhantes, ao chegarem nos hospitais, observarem as condições de higienização e de materiais básicos, como pias com água e sabão, recipientes com álcool em gel para a limpeza das mãos, e ainda a presença de equipes responsáveis pela manutenção e qualidade desses serviços.

Fiscalização

Segundo a coordenadora da Ceciss, a fiscalização nos hospitais, públicos e particulares da Paraíba, é feita anualmente pela Comissão, conforme recomenda o Ministério da Saúde. Além disso, os hospitais enviam, obrigatoriamente, relatórios mensais sobre ocorrências.

Relacionadas