domingo, 16 de maio de 2021

Saúde
Compartilhar:

Mais velhos e em busca de melhor qualidade de vida

Rammom Monte / 04 de dezembro de 2015
Foto: Divulgação
A expectativa de vida dos paraibanos passou de 68,8 anos, em 2004, para 72,6 anos, em 2014, o que representou um aumento de 5,5%, conforme divulgação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Mas será que a Paraíba está preparada para abrigar cada vez mais pessoas da terceira idade? E o que é preciso para se ter uma vida saudável na velhice? O CORREIO ONLINE conversou com uma especialista e também foi atrás de saber as ações do Governo do Estado em relação à qualidade de vida dos idosos.

A geriatra Maria de Fátima Cartaxo falou sobre os cuidados e atividades que os idosos precisam ter para viverem melhor. Segundo ela, essa idade é muito susceptível a doenças crônicas e tendo tratamento especializado, atividade física regular e relações sociais saudáveis, as chances dos idosos serem acometidos por um doença degenerativa diminuem. Para a médica, o Estado tem papel fundamental nesse processo. Porém, ela ressalta que isso é um trabalho em conjunto.

“Eu acho positivo para um idoso ter boas opções de lazer, locais para interagir, mas todo mundo tem que colaborar. Ele tem que fazer a parte dele tendo, por exemplo, uma alimentação saudável”, explicou.

Maria de Fátima Cartaxo falou, ainda, sobre alguns fatores que fazem com que a expectativa de vida venha subindo progressivamente e disse que a cidade de João Pessoa, dentro das possibilidades, é um bom lugar para se morar durante a terceira idade.

“Tem o progresso da medicina, surgiram novos tratamentos, e também as pessoas começaram a se cuidar melhor e começou-se a viver mais. Isto é um fenômeno mundial”, finalizou.

Ações do governo

Como a própria Maria de Fátima Cartaxo falou, promover a melhor qualidade de vida para as pessoas da terceira idade é um processo de todos. E um dos agentes desta promoção é o próprio Estado. A coordenadora estadual da proteção social especial de alta complexidade do governo estadual, Wênia Lisboa, falou sobre algumas ações promovidas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano, que vão de campanhas a condomínios exclusivos para idosos.

“O governo desenvolve várias ações para a terceira idade. Como centros específicos para idosos, a Cidade Madura, que é um condomínio exclusivo para idosos e conta com várias atividades para eles e também atendimento para idosos que sofreram algum tipo de violência”, disse.

Um dos programas que mais chama atenção é exatamente o Cidade Madura, em que idosos ganham a sua casa e precisam arcar com algumas despesas, como o pagamento do condomínio, por exemplo. Além disso, no local há academia voltada para o público da terceira idade, redários e também atendimentos específicos para os moradores. Atualmente a Paraíba tem um condomínio deste tipo em João Pessoa, outro em Campina Grande e o governo prometer construir mais um na cidade de Cajazeiras, no Sertão do estado.

Relacionadas