domingo, 16 de maio de 2021

Saúde
Compartilhar:

640 à espera por um transplante de órgãos na Paraíba

Mislene Santos / 19 de janeiro de 2017
Foto: Divulgação/Ilustração: Aline Melo
Pelo menos 640 pessoas estão na fila de espera por um transplante na Paraíba. E a córnea é o órgão mais procurado seguido por rins e fígado. Os dados são da Central de Transplantes do Estado. Para atender toda essa demanda é necessário uma estrutura que receba não só os pacientes, mas os familiares deles também.

Atualmente, a Central de Transplantes funciona no Box 10, na parte posterior do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas o espaço está em reforma desde junho de 2016. Segundo a diretora da Central, Gyanna Lys de Melo Montenegro, as obras com valor estimado R$ 327.882,72 devem ser concluídas até o final deste mês e não têm interrompido o funcionamento do local.

Gyanna Lys de Melo Montenegro explicou que a reforma está sendo executada com recursos oriundos do Ministério da Saúde, que vêm especificamente para esse fim, e repassados para a Central de Transplante, por meio da Secretaria Estadual de Saúde, incluídos em um projeto de incentivo às Centrais de Transplante.

“A Central contará com instalações mais adequadas para acolher de forma mais humanizada os familiares dos doadores, bem como, oferecer aos funcionários, espaço físico onde possam desenvolver suas atividades burocráticas e operacionais em ambiente adequado. O espaço abrigará também a Organização à Procura de Órgãos”, comentou”, Gyanna Lys.

Segundo ela, a junção do setor operacional e administrativo, dará mais agilidade aos processos inerentes às doações de órgãos e tecidos, bem como, promoverá maior integração dos seus membros, permitindo um gerenciamento global por parte da Central de Transplante do Estado.

Funcionamento

Gyanna Lys  disse que a Central de Transplante funciona em horário integral, todos os dias da semana, recebendo notificações de óbitos em decorrência de Morte Encefálica ou de Coração Parado, gerencia a Lista de Espera para Transplante do Estado da Paraíba e é responsável pela distribuição de órgãos e tecidos doados às Equipes Transplantadoras para os pacientes rankeados.

Relacionadas