terça, 11 de maio de 2021

Cidades
Compartilhar:

Programa quer criar áreas verdes em JP e 25 mil mudas já foram plantadas

Aline Martins / 18 de agosto de 2018
Foto: Rafael Passos/Jornal Correio da Paraíba
A qualidade de vida da população melhora ao morar próximo de áreas consideradas arborizadas como já mostram alguns estudos. No entanto, nas últimas décadas as cidades brasileiras têm se tornado cada vez mais urbanas e o lado verde acabou ficando escanteado. Para mudar essa realidade, alguns municípios têm investido em ações. Este ano, até o mês agosto, em torno de 25 mil mudas foram plantadas em diversas áreas de João Pessoa, principalmente nos pontos degradados e em locais com pouca densidade arbórea. Na Capital, o bairro dos Bancários é o mais arborizado, enquanto que Manaíra é o que conta com menos espaços verdes.

Diariamente, o engenheiro agrônomo Anderson Fontes, que é chefe da Divisão de Arborização e Reflorestamento (Divar) da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), informou que são realizados estudos sobre a saúde e a arquitetura das plantas a partir de visitas nos bairros da Capital.

“Fazemos isso diuturnamente dentro da nossa planilha de estudos. Quando recebemos as demandas da população verificamos as necessidades de cada local como quais os tipos de árvores e em que espaços elas podem ser colocadas”, comentou Anderson Fontes, destacando que as árvores podem ser encontradas nas praças, canteiros e calçadas.

Ainda de acordo com engenheiro agrônomo e chefe da Divisão de Arborização e Reflorestamento da Semam, os corredores viários de intenso fluxo são pontos estratégicos para ter a presença de árvores como as avenidas Cruz das Armas, Epitácio Pessoa, Beira-Rio, Tabajaras, Hilton Souto Maior, Mariângela Peixoto, Três Ruas, Argemiro de Figueiredo, Tancredo Neves como exemplos. No entanto, frisou que algumas contam com um número expressivo, outras com um quantitativo menor.

Somente nos principais corredores da cidade, onde foram substituídas algumas delas, a Semam informou que plantou 120 árvores este ano. O engenheiro agrônomo destacou também os Bancários lidera entre os bairros mais arborizados se observado os trechos viários (calçadas, canteiros), enquanto que Manaíra tem menor densidade arbórea.

A equipe da Divar tem dado prioridade a áreas degradadas ou com pouca quantidade de verde. No entanto, em eventos da prefeitura ou mesmo em parcerias com empresas privadas tem incentivado o plantio a partir da distribuição de mudas oriundas do Viveiro Municipal. Muitas árvores caíram na cidade por conta de doenças ou foram suprimidas por conta de obras públicas.

Aquele que tiver interesse em plantar pode pesquisar quais os tipos e para cada local deve ser colocada uma árvore no site da Semam em que consta uma cartilha.

Conforme o Ministério do Meio Ambiente, as áreas verdes urbanas são consideradas como o conjunto de áreas intraurbanas que apresentam cobertura vegetal, arbórea (nativa e introduzida), arbustiva ou rasteira (gramíneas) e que contribuem de modo significativo para a qualidade de vida e o equilíbrio ambiental nas cidades.

Relacionadas