sábado, 23 de janeiro de 2021

Policial
Compartilhar:

Policiais civis realizam protesto no busto de tamandaré

Aline Martins / 19 de janeiro de 2018
Foto: Nalva Figueiredo
Em protesto, policiais civis da Paraíba fincaram, nessa quinta-feira (18), cerca de 700 cruzes de madeira nas areias do Busto de Tamandaré, na orla marítima de João Pessoa, e realizaram um enterro simbólico.

De acordo com a Associação dos Policiais Civis de Carreira do Estado da Paraíba (Aspol), o movimento representa o luto dos policiais por conta das perdas salariais e a falta de condições para exercer função o que tem resultado em mortes. Embora tenha ocorrido essa ação, os policiais não pararam as atividades, pois o movimento foi realizado nas primeiras horas do dia.

Segundo a presidente da Aspol, Suana Melo, o policial civil na Paraíba recebe remunerações baixas em relação aos demais estados do País. “Apesar de termos a melhor polícia do Brasil, temos o pior salário”, frisou.

Ela ainda comentou que o protesto teve por objetivo fincar cruzes em representação aos 700 policiais que estão aptos a se aposentar, mas por conta das perdas salariais não estão conseguindo. “É uma profissão estressante”, disse.

Os policiais civis realizaram o protesto com os símbolos de cruzes e enterro simbólico em alusão ao futuro dos policiais que podem morrer trabalhando e sem conseguir a aposentadoria por conta das perdas salariais de 40%, e ainda são obrigados a tirar plantão, recebendo 1/3 da hora extra que deveriam receber. “Esse é mais um alerta a sociedade sobre a situação desses policiais por conta da falta de uma resolução”, afirmou.

O manifesto teve o apoio do Sindperitos, Atenepol, ASSPOM/PB e da Agepen.

Relacionadas