sexta, 22 de janeiro de 2021

Policial
Compartilhar:

Polícia desarticula quadrilha do “Golpe do Massageador”, que desviou mais de R$ 400 mil

Da redação / 30 de março de 2017
Foto: Divulgação
Pelo menos 14 pessoas foram presas acusadas de praticarem o ‘golpe do massageador’ durante operação policial deflagrada na madrugada da última quinta-feira pela Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa. Os suspeitos foram autuados pelo crime de estelionato e associação criminosa.  O golpe vinha sendo praticado em diversos Estados, há pelo menos 8 meses, e consiste na negociação de aparelhos de massagem por valores exorbitantes. Os suspeitos se apresentavam como representantes de uma empresa de Contagem, do estado de Minas Gerais, e ofereciam o produto a um valor inicial de R$ 3.800,00, garantindo que o aparelho seria milagroso e teria a cura para várias doenças articulares.

Segundo esclareceu o delegado da DDF, Lucas Sá, o equipamento é um simples aparelho de massagem, sem qualquer característica fora do normal, cujo valor de mercado gira em torno de R$ 80,00 a R$ 120,00, de maneira que os golpistas conseguem obter um lucro elevado por cada negociação. “O golpe já foi praticado em São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco e Minas Gerais. Na Paraíba, o golpe vinha acontecendo há aproximadamente um mês, já tendo feito mais de 50 vítimas, obtendo um lucro superior a R$ 100 mil em um mês de atuação, negociando produtos em João Pessoa, Patos e Cajazeiras”, revelou.

O escritório da quadrilha e depósito dos equipamentos funcionava no bairro de Jaguaribe e era o ponto base para a atuação da quadrilha em todo o Estado. No loca, foram encontrados documentos que demonstram que os suspeitos negociaram pelo menos 1.500 aparelhos em todo o Brasil, o que representa o desvio de pelo menos R$ 2.700.000,00. Além da Paraíba, também foram presos suspeitos de Minas Gerais, Espírito Santo, Maranhão, Pernambuco e São Paulo.

Relacionadas