sábado, 16 de fevereiro de 2019
Policial
Compartilhar:

Motorista de aplicativo é assassinado em possível emboscada

Bárbara Wanderley e Mayara Oliveira / 19 de outubro de 2018
Foto: Reprodução
Uma possível emboscada acabou com a morte de um motorista de Uber e do passageiro na manhã dessa quinta-feira (18), em Campina Grande. Alan Nogueira da Silva, de 25 anos, foi morto com pelo menos dois tiros na cabeça, enquanto chegava ao bairro do Pedregal, levando o passageiro, identificado apenas como Samuel Silva, que, segundo a Polícia Civil, seria o alvo dos bandidos. Uma criança que estava na rua no momento da ação também foi atingida por um tiro de raspão.

Os tiros que começaram no início da rua fizeram com que o motorista perdesse o controle do veículo. Com este caso, o número de homicídios em Campina Grande chega a 80 este ano.

Segundo as primeiras investigações da Polícia Civil, a suspeita é de que uma emboscada foi armada para Samuel, 31 anos, que tinha passagem na polícia por tráfico. Ao ser atingido pelos bandidos que estavam uma motocicleta, o motorista Alan Nogueira morreu no local do crime. Já o passageiro, também baleado na cabeça, e a criança, atingida de raspão por um tiro na mão direita, foram socorridos para o Hospital de Trauma de Campina Grande em estado grave. Samuel, não resistiu aos ferimentos e morreu cerca de meia hora após o crime. Já a criança recebeu alta médica no fim da tarde dessa quinta-feira (18).

“Ainda estamos analisando o perfil das vítimas, com quem se relacionavam, para chegar a um suspeito e a uma motivação. Até o momento ouvimos apenas os familiares do motorista, mas ainda não conseguimos chegar à família de Samuel. O que sabemos é que ele já havia cumprido pena por homicídio”, disse a delegada Nercília Dantas.

Mais cedo, no local do crime, a delegada vislumbrou um possível cenário para o crime. “Provavelmente foi emboscada, se é que podemos chamar assim, pois ainda tem pouca coisa para a gente chegar a uma conclusão. Mas, deve ter sido para a vítima que foi para o hospital. O motorista estava apenas conduzindo essa pessoa e acabou sendo atingido. Essas são as informações iniciais. Nada ainda em definitivo”, comentou a delegada.

O caso continuará sendo investigado. Até o fechamento desta matéria, a polícia ainda não havia divulgado a quantidade de suspeitos envolvidos e a possível motivação do crime. RF KR

Relacionadas