quarta, 20 de janeiro de 2021

Paraíba
Compartilhar:

Transexual é assassinada a pedradas na cidade de Areia e suspeitos são presos

Da redação com Portal Correio / 27 de fevereiro de 2017
Foto: Divulgação
Uma transexual foi morta a pedradas, na madrugada deste domingo (26), na cidade de Areia, Brejo do estado, a 129 quilômetros de João Pessoa. O crime aconteceu por volta das 4h, nas proximidades do Mercado Público da cidade. De acordo com informações da PM, a vítima já foi encontrada sem vida, com vários ferimentos e pedras próximas ao corpo. Dois suspeitos de terem cometido o crime já foram presos.

Segundo o comandante da Polícia Militar na região, major Pablo, o primeiro suspeito confessou que presenciou o assassinato, mas apontou um jovem de 24 anos como autor efetivo do crime, que veio a ser preso horas depois.

"De acordo com o jovem preso, a vítima teria se insinuado para o outro suspeito, que não gostou do assédio e agrediu a transexual até a morte. Ou seja, trata-se de um crime com motivação homofóbica. A ação teve apoio do suspeito preso", disse o major.

Relacionadas