domingo, 08 de dezembro de 2019
Paraíba
Compartilhar:

Novo imortal: Assembleia Legislativa homenageia Roberto Cavalcanti

Redação com assessoria / 11 de junho de 2019
Foto: Divulgação
Os deputados Eduardo Carneiro (PRTB) e Tovar Correia Lima (PSDB) apresentaram na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) votos de aplauso ao empresário e escritor Roberto Cavalcanti pela eleição na Academia Paraibana de Letras (APL). O deputado Tovar também apresentou requerimento solicitando a medalha do Mérito Cultural ao mais novo imortal que assume a cadeira de número 27.

Segundo Carneiro, o voto de aplauso foi solicitado como forma de parabenizar o empresário Roberto Cavalcanti que “desde cedo mostrou pendores pelo cultivo das letras, e ainda criança frequentava o universo acadêmico, convivendo com os amigos do seu pai, o professor, antropólogo e médico, René Ribeiro. Constata-se, portanto, a iniciação precoce de Roberto Cavalcanti no mundo cultural, incentivado pelo ambiente de convivência das letras em sua vida”.

Para o deputado Tovar Correia Lima, a homenagem é mais que merecida pelo trabalho realizado por Cavalcanti durante toda sua vida e principalmente pela manutenção do jornal impresso, Correio da Paraíba.

“A eleição do empresário Roberto Cavalcanti para a Academia Paraibana de Letras foi mais que merecido e o exemplo disso foi o número de votos que obteve, 28 dos 35. Cavalcanti é um homem culto, letrado e vai contribuir muito com a cultura do nosso Estado. Um dos seus grandes feitos é a manutenção do jornalismo impresso, incentivando assim a boa leitura”, destacou o deputado.

O mais novo imortal escreveu 925 crônicas e artigos publicados no jornal Correio da Paraíba, entre os anos de 2009 e 2019, apresentados a Academia Paraibana de Letras, em 11 volumes cronologicamente encadernados. Cavalcanti também é autor dos livros Meu tempo sobre o tapete azul, Brasília: Gráfica do Senado, 2010; e Como penso, João Pessoa: Forma editorial, 2019.

Histórico



Roberto Cavalcanti Ribeiro é graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Empresário, atua nos ramos do comércio e da indústria, destacando-se como Homem de Comunicação. De espírito criativo, inovador e empreendedor, institui o Sistema Correio de Comunicação, onde comanda grupo de comunicação integrado por emissoras de rádio e televisão, jornais e periódicos, e canais de mídia digital.

É fundador da Fundação Solidariedade, braço social do Sistema Correio de Comunicação, que tem compromisso com os dezessete objetivos da ONU para transformar o mundo, conscientizando pessoas diante da necessidade de preservação do meio ambiente, igualdade de gênero, consumo responsável, saúde e bem-estar da população.

Relacionadas