quinta, 04 de março de 2021

Cidades
Compartilhar:

Padres assinam manifestos pedindo ações urgentes contra violência no Sertão da PB

Giovannia Brito / 08 de setembro de 2015
Foto: Arquivo
Padres do Alto Sertão do Estado divulgaram ontem, um manifesto pedindo medidas urgentes e eficazes contra a violência na região.

O documento foi elaborado durante um retiro na cidade do Crato-CE, e assinado por 11 padres, que pedem que as ações de combate aos crimes não se resumam em aumentar o contingente policial.

Os sacerdotes relataram muita preocupação em relação à violência que, segundo eles, vêm imperando na região.

“Lamentamos que o nosso Vale do Piancó esteja se afogando no mar da violência. Está de assombrar. Nunca vimos um cenário tão violento, macabro, ameaçador: assassinatos, assaltos, drogas etc., sem contar com os constantes acidentes de trânsito, muitas vezes deixando vítimas fatais”, diz parte do documento.

Os representantes de 11 paróquias da Diocese de Cajazeiras, solicitam aos governos federal, estadual e municipal que haja um combate à impunidade e que sejam promovidas “arrojadas políticas públicas de inclusão social, econômica e educativa, favorecendo a libertação integral da pessoa humana e o resgate da cidadania”, afirma.

Os padres finalizam o documento afirmando que esperam que ele, classificado como ‘brado profético’, seja ouvido e levado em estrita consideração por todas as autoridades responsáveis pela segurança, pela paz e o bem-estar do povo do Vale do Piancó.

Os padres pretendem agendar audiências e entregar cópias aos governos, oficializando o pedido de providências.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas