quarta, 19 de dezembro de 2018
Cidades
Compartilhar:

O reencontro de Vírginia e Wellington 30 anos depois

Alyf Santos / 13 de setembro de 2016
Foto: Lis Gomes via WhatsApp
Há um mês, o Correio Online contou a história de Virgínia, Wellington e um marca páginas que trazia uma mensagem de carinho e amizade. Pois é! Os amigos que estavam separados há mais de 30 anos se reencontraram. O reencontro ocorreu no Café Poético em Campina Grande, nesta segunda-feira (12) e além de Wellington, Inácia e Josilene também reencontraram a amiga Virgínia que hoje mora no Distrito Federal.

A emoção tomou conta de todos que se viram novamente depois de três décadas graças ao poder de compartilhamento das redes sociais. Uma história que começou a ser recontada após uma postagem da gaúcha Carol Corso. Depois de comprar um livro em um sebo cultural, ela recebeu a encomenda e, para sua surpresa, havia dentro um marca página com um recado datado de 05 de julho de 1986.  A mensagem era de uma pessoa chamada Virgínia endereçada a Wellington e tratava-se de uma demonstração de afeto.

“O reencontro do quarteto de professores de português foi maravilhoso”, disse Virgínia assegurando que os laços da amizade do tempo de faculdade continuam os mesmos. Segundo Virgínia, o amigo tem várias histórias de vida semelhantes à dela. “Ele é minha alma gêmea na amizade pelo fato de termos algumas histórias iguais. Inácia e Leninha também continuam as mesmas, sendo que a amiga Inácia virou psicóloga. Eu, Wellington e Leninha atuamos na área educacional", comentou Virgínia.

reencontro2

Difícil foi descrever o tamanho da felicidade em rever amigos do passado que há tantos anos a vida havia separado. Agora, com o advento das redes sociais, essa distância não existirá mais. Virgínia disse que os contatos continuarão e que eles nunca mais irão se perder de novo. “Estarei voltando pra minha casa nos próximos dias e continuarei em contato com os meus amigos através do Facebook. Mas, estarei voltando pra minha cidade (Campina Grande) brevemente”, disse.

Uma história que começou no plano físico da universidade, passou a ser recontada entre as páginas de um livro e agora evolui e se mantém viva graças ao poder de aproximação dado pela tecnologia. Dois amigos que tiveram suas vidas novamente entrelaçadas por um marca texto que se disseminou no Facebook. Quatro amigos que se multiplicaram por meio dessa disseminação.

Relacionadas