domingo, 15 de julho de 2018
Luto
Compartilhar:

Vítimas de tragédia no Sertão são enterradas e prefeito decreta luto oficial

Fernanda Figueirêdo / 19 de janeiro de 2016
Foto: Divulgação
As sete vítimas do acidente fatal ocorrido no final da tarde de domingo, no Sertão paraibano foram sepultadas ontem, seis delas no município de Sousa e uma na capital do Estado. Durante o velório e o sepultamento, a comoção de familiares e moradores foi grande. O único sobrevivente está internado em estado regular no Hospital de Trauma de Campina Grande. A colisão entre um Mercedes C250 e um veículo Polo Volkswagen, ocorreu a aproximadamente 300 m da entrada para a cidade de Quixaba, próximo a Patos.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, os veículos colidiram transversalmente e o acidente pode ter sido causado por uma derrapagem. A perícia, cujo resultado do relatório sobre a scausas do acidente deve sair nos próximos três dias, deverá esclarecer se a Mercedes, com placas de Natal (RN), derrapou na pista em virtude de alta velocidade, conforme o que foi analisado inicialmente. Chovia no momento do acidente e, no local, pode ser observada faixa contínua, o que proíbe a ultrapassagem de veículos.

Um amigo de uma das famílias vítimas no acidente quase presenciou o momento da colisão. “Vínhamos de um casamento em João Pessoa, retornando para Sousa. Eu estava em outro carro, dois minutos atrás deles. Quando vi, a tragédia já tinha acontecido. Agora só a perícia irá dizer o que aconteceu”, disse Francisco Medeiros, amigo da família Cesarino.

Os corpos das vítimas foram liberados na madrugada de ontem pelo Instituto Médico Legal (IML) de Patos. Apenas Francisco de Sousa Pedrosa Neto, 27 anos, continua internado no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde passou por cirurgia para estancar hemorragia interna.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas