terça, 19 de janeiro de 2021

Cidades
Compartilhar:

Laudo deve revelar que Rodolpho Carlos ia fazer duas vítimas na noite da blitz

Redação / 07 de março de 2017
A perícia feita no local do atropelamento do agente de trânsito Diogo do Nascimento deve revelar que o estudante Rodolpho Carlos por pouco não fez uma segunda vítima na noite em que o fato aconteceu. De acordo com o delegado Reynaldo Nóbrega, o laudo pericial deve sair nesta quarta-feira (08) e revelar que outro agente presente na blitz só não foi atingido pelo carro do atropelador porque ele pulou a tempo de desviar.

"Pela dinâmica dos fatos que foram apresentados ficou claro que entre o carro de Rodolpho e Diogo, ainda existia um outro agente de trânsito que ao ver a aceleração de Rodolpho, e para salvar sua vida, pulou para calçada. Acho que se ele não tivesse pulado, também teria sido atropelado", informou o delegado.

Reynaldo Nóbrega disse que recebeu a garantia que o laudo sai nesta quarta. "Assim foi me prometido, falei com a superintendente do IPC e ela me garantiu que amanhã esse laudo estará aqui em minhas mãos", falou.


Relacionadas