terça, 29 de setembro de 2020

João Pessoa
Compartilhar:

O encanto dos ipês amarelos hipnotiza pessoenses

Rammom Monte / 27 de dezembro de 2016
Foto: Assuero Lima
Um dos principais cartões-postais de João Pessoa, o Parque Solón de Lucena ganhou um atrativo a mais neste fim de ano. Os 144 ipês amarelos voltaram a florescer e chamaram atenção de várias famílias que passavam pelo local, que fica no Centro da Cidade. Uma destas famílias é a da autônoma Williana Santos, que esteve com sua filha e marido no local.

“Eu fui lá fazer umas fotos com minha menina. Fui aproveitar a paisagem, e ficou bem melhor por conta dos ipês. Foi bem legal, é bem interessante a natureza. Tinha bastante gente, todo mundo que passava parava e pedia para tirar foto. Até a mim mesmo, pediram para bater foto delas. Foi uma manhã agradável. João pessoa tem muitos lugares verdes, agradáveis”, disse.

Para o secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto, “a floração dos ipês é um espetáculo que tem as mãos dos técnicos e profissionais da Semam, que cuidam do patrimônio ambiental da cidade. Essa ação começa no Viveiro Municipal de Plantas Nativas, mantido pela PMJP, onde são preparadas as futuras árvores que são, sem dúvida, um dos nossos bens naturais mais preciosos, ofertando sombra, contribuindo para diminuir as temperaturas, mantendo a saúde do solo e dos recursos hídricos. A saúde e preservação das nossas árvores e áreas verdes é uma política pública da gestão, que leva a sério o desenvolvimento com sustentabilidade”, concluiu.

Para o engenheiro agrônomo Anderson Fontes, diretor de Controle Ambiental da Semam, “não pode haver presente mais belo para cidade do que a floração dos ipês. Eu realmente fico emocionado quando isso ocorre, porque sei que contribuímos para que nossas árvores se mantenham saudáveis e fortes”, concluiu. Anderson informou ainda que os ipês ocorrem com mais frequência nas Avenidas Beira Rio, Getúlio Vargas, no Parque Zoobotânico Arruda Câmara, Bica, entre outros bairros.

Ipê é uma palavra de origem Tupi, que significa árvore cascuda. São árvores nativas, admiradas pelas flores amarelas, rosas, brancas, roxas e lilás, muito comuns no Brasil. Podem atingir até 30 metros de altura e sua floração proporciona um espetáculo grandioso, tanto na copa, que contrasta com o verde das outras árvores, quanto no chão, num belíssimo efeito, formando um tapete de flores.

Relacionadas