domingo, 17 de novembro de 2019
João Pessoa
Compartilhar:

Moradores de bairro de João Pessoa convivem há mais de quatro anos com esgoto estourado

Aline Martins / 07 de outubro de 2017
Foto: Nalva Figueiredo
 

Os moradores da Rua do Agave, na comunidade Ninho da Perua, no Bairro dos Novais, em João Pessoa, convivem há quatro anos com um esgoto estourado. O Jornal Correio da Paraíba denunciou diversas vezes o problema. A primeira reportagem foi publicada em dezembro de 2013, quando relatou que a existência da água do esgoto que escorria pela rua e que isso ocorria desde outubro daquele ano. Além do mau cheiro, a população ainda sofre com o aparecimento de diversos insetos e roedores que invadem as residências. Isso tem impedido que pessoas, que tenham um ponto comercial, possam funcionar.

A dona de casa Eliane Cabral da Silva tem uma barraca na porta de sua residência, mas não consegue abrir porque nenhum cliente sente vontade de comprar algo em um local com odor. “Era uma forma de ganhar um dinheirinho, mas essa fedentina ninguém quer comprar”, comentou. Ainda de acordo com ela, as famílias cobram da Rua do Agave cobra uma providência efetiva dos órgãos. “Quem deveria fazer isso é a Cagepa, mas ela diz que é com a Seinfra e fica um jogando para o outro e quem sofre é a gente com esse fedor”, contou. Portanto, há um jogo de responsabilidade em que nenhum setor resolve o problema.

Durante esse período, Eliane Cabral da Silva relatou que a Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa) até enviou profissionais para avaliar o problema, mas não resolveu nada. “A cada dia fica pior e a gente fica sem poder fazer nada na porta de casa”, pontuou, destacando a quantidade de mosquitos e também de caracóis africanos por conta do esgoto. “O que acontece é que o esgoto sai das ruas de cima e cai na nossa rua”, frisou, acrescentando que a Secretaria de Infraestrutura da Capital (Seinfra) fez uma limpeza nas galerias de outras ruas próximas a essa, mas não fizeram nela por conta do esgoto como contou a dona de casa. “Todo mundo paga água na rua e até esgoto, mesmo eles dizendo que não é esgoto que a gente paga”, comentou.

Existem mais de 60 casas na Rua do Agave

O que diz a Cagepa

Sobre o problema, a Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa) informou que a implantação do esgotamento sanitário no Bairro dos Novais foi executada pela Prefeitura de João Pessoa, posteriormente, repassado à Companhia. Para colocar o sistema em funcionamento, a Cagepa precisou fazer algumas obras complementares, que foram concluídas no mês passado. Com o sistema em funcionamento, os moradores da rua já estão se dirigindo ao órgão para solicitar suas ligações.

Para quem ainda não fez a solicitação da ligação à rede de esgotos, a orientação é que o morador procure a loja de atendimento da empresa, que funciona na Avenida Camilo de Holanda, com um documento de RG, CPF e uma conta de água. Quanto ao esgoto estourado, o problema deve estar sendo ocasionado justamente pela ausência das solicitações de ligações à rede de esgotos. Uma equipe técnica da Cagepa será enviada ao local para averiguar a ocorrência.



Sem retorno

A reportagem do Jornal Correio da Paraíba entrou em contato com a Seinfra, mas até o fechamento desta edição não enviaram retorno sobre o caso da Rua do Agave, no Bairro dos Novais, na Capital.

Reportagens do Jornal Correio da Paraíba na Rua do Agave

- 06/12/2013: Primeira reportagem relatava que desde outubro existia um esgoto estourado na Rua do Agave;

- 22/01/2014: Reportagem denunciou que nada tinha sido feito até aquela data;

- 25/01/2014: Semam cobrava explicações da Cagepa sobre o problema e apontasse as residências com ligações clandestinas.




 

 

 

Relacionadas