quinta, 21 de novembro de 2019
João Pessoa
Compartilhar:

Fundação Solidariedade e Sesc vão levar curso de mosaico para escola

Ainoã Geminiano / 01 de junho de 2019
Foto: Assuero Lima
A Fundação Solidariedade, braço social do Sistema CORREIO de Comunicação, firmou um convênio com a Federação do Comércio da Paraíba (Fecomércio-PB), administradora do Serviço Social do Comércio (Sesc-PB), para oferecer cursos de mosaico para os alunos do Sesc Educação. As aulas serão ministradas pelos jovens integrantes do Projeto Mosaico, que chegou ao 20º ano de atividade, na Paraíba.

Os detalhes da parceria foram discutidos nessa sexta-feira (31) em uma reunião na sede do Sistema CORREIO, entre os dirigentes das duas instituições. A reunião também contou com a presença do empresário Roberto Cavalcanti.

“Os alunos terão aula não só de como afixar pedrinhas. Tudo vai começar com aulas teóricas sobre a história dessa arte milenar que é o mosaico. Vão conhecer as origens para entender o sentido da obra. Depois serão capacitados na aplicação das pedras, formando os painéis. Haverá uma parte importante também desse processo, que é treinar a habilidade dos alunos com o desenho. Para os que têm mais dificuldade com isso, usaremos projeção de imagens para que eles cubram e assim treinem a habilidade de criar as próprias figuras, que servem de base para o mosaico”, explicou a diretora da Fundação Solidariedade e coordenadora do Projeto Mosaico, Núbia Gonçalves.

As aulas serão ministradas no Colégio Don Ulrico, no Centro da Capital, onde funciona a escola do Sesc-PB, no expediente oposto ao horário de aula de cada turma.

“Fixamos uma idade mínima, acima de 16 anos, pela questão da habilidade de lidar com as ferramentas utilizadas no mosaico, que exigem controle de quem as manuseia. Também vamos disponibilizar para os alunos todo o conjunto de equipamentos de proteção individual necessário. Não há limite de vagas e o curso estará aberto também aos familiares dos alunos, caso tenham interesse”, disse Mônica Barros, diretora regional do Sesc-PB.

“Vamos ter a possibilidade de capacitar jovens que serão multiplicadores do Projeto de Mosaico, em todo o Estado. Entendemos que a cultura é uma forma de desenvolvimento do ser humano. Quanto mais pessoas e, principalmente as mais carentes, se completarem nesse projeto, teremos aí uma possibilidade de geração de renda para as famílias. Sabemos que a arte depende muito do indivíduo e alguns se revelarão novos instrutores. Outros serão artistas, aplicando a arte em suas produções. Mas todos são importantes para nós”, disse o presidente da Fecomércio-PB, Marcone Medeiros.

Sistema Correio



Dentro da parceria, o Sistema CORREIO terá um papel importante na divulgação dos resultados e na captação de parceiros. “Primeiro queremos agradecer à Fecomércio pela parceria em um projeto muito bonito. É uma iniciativa que dará oportunidade às crianças de, através da arte, ocupar seus espaços na sociedade, de gerar rendar e deixar legados nos mosaicos públicos por onde forem. Estamos de braços abertos para apoiar e buscar parcerias para ampliar os horizontes da iniciativa e para ver, ao final, a arte maravilhosa que eles farão, que nos emociona muito”, disse Beatriz Ribeiro, presidente da Fundação Solidariedade e diretora executiva do Sistema CORREIO de Comunicação.

Aulas. Devem começar no segundo semestre deste ano, destinadas a alunos com idade acima de 16 anos e extensivo aos familiares.

Relacionadas