segunda, 20 de maio de 2019
João Pessoa
Compartilhar:

Fiação da iluminação de Natal é furtada na Capital

Ainoã Geminiano / 01 de dezembro de 2018
Foto: Divulgação
A Prefeitura de João Pessoa denunciou ontem o inesperado furto da fiação de energia que alimenta a iluminação natalina, instalada nas avenidas Epitácio Pessoa, Beira-Rio e na Praça da Independência. Segundo a secretária de Planejamento, Daniella Bandeira, das 139 ornamentações instaladas pela secretaria, 79 foram atacadas por bandidos, ao longo desta semana. Até ontem, a Prefeitura já tinha contabilizado 930 metros de cabos elétricos furtados. A iluminação da Praça da Independência foi praticamente toda desligada, em consequência da ação criminosa.

A ornamentação natalina feita pela Prefeitura da Capital foi dividida entre a Secretaria de Infraestrutura, que instalou 64 árvores de natal, em canteiros, rotatórias e praças, e a Secretaria de Planejamento, que instalou iluminação nas árvores naturais das duas principais avenidas da cidade. Segundo Daniela Bandeira, os furtos começaram pela Avenida Beira, onde foi desligada a iluminação de 50 árvores.

“Os vândalos agiram em um trecho da avenida que não tem câmeras de monitoramento de trânsito, que poderia registrar e furto e identificar o responsável”, disse a secretária. No local, os criminosos furtaram 750 metros de fios, além das conexões.

Na Praça da Independência, a iluminação de 12 árvores e 13 estrelas natalinas foram desligadas, por conta do furto de 180 metros de fios. “Na Epitácio, as pessoas chegaram ao absurdo de cortar as mangueiras de led, como que pra reutilizá-las em outros locais. É algo absurdo, que jamais imaginávamos que pudesse acontecer. Queremos fazer um apelo à população, primeiro para que não vandalize a iluminação. Depois para que nos ajude a fiscalizar e impedir esses furtos, afinal de contas a ornamentação natalina foi feita para o benefício da própria população, para trazer o espírito natalino e embelezar a cidade. É um absurdo que isso esteja acontecendo”, concluiu Daniela Bandeira.

Os furtos foram comunicados à Polícia Civil, por meio de um Boletim de Ocorrência feito pela Secretaria de Planejamento. A chefe da pasta também enviou ofício à Secretaria da Segurança, solicitando patrulhamento da Polícia Militar nos locais ornamentados.

Relacionadas