quarta, 25 de novembro de 2020

Cidades
Compartilhar:

Ipês começam a dar espetáculo com florada em João Pessoa

Katiana Ramos / 02 de novembro de 2017
Foto: Divulgação / Diego Nóbrega
Na temporada das flores da primavera os ipês fazem um espetáculo a parte em João Pessoa. No Parque da Lagoa Solon de Lucena, no Centro, os ipês amarelos começaram a florir desde a última segunda-feira e o fenômeno deve durar por pelo menos mais uma semana. Ao todo, são pelo menos 1.500 ipês, entre as espécies rosa, roxo e amarelo, catalogados na capital, segundo a Secretaria Municipal do Meio Ambiente da capital (Semam).

As espécies de ipês registradas pela Semam estão espalhadas por toda a cidade, sobretudo nas áreas de floresta, como a Mata do Buraquinho, além de granjas e canteiros centrais e no Parque da Lagoa a concentração dessas árvores é maior.

Segundo Anderson Fontes, o espaço está entre as áreas verdes do País, na zona urbana, que concentra o maior número de ipês amarelos. “A florada dos ipês vai de setembro a dezembro. No caso do amarelo, esse fenômeno acontece mais tardiamente, já próximo ao final do ano, e dura em torno de 20 dias, dependendo das condições ambientais, como o estado fitossanitário e a oscilação do vento”, explicou o engenheiro agrônomo e diretor da Semam.

Ainda conforme Anderson Fontes, os ipês amarelos estão entre as espécies de árvores nativas da mata atlântica e são mais resistentes ao ataque de fungos e outros microorganismo que prejudicam a saúde das árvores de grande porte. “Os ipês são o símbolo de João Pessoa, em particular os das cores rosa e roxo, que são da mata atlântica da nossa região. Então, sempre estamos de olho neles, monitorando, para que fiquem preservados e saudáveis”, acrescentou. Viveiro.

Para quem quiser adquirir mudas de ipês e outras plantas nativas da capital, o Viveiro Municipal mantido pela Prefeitura dispõe de unidades que são entregues gratuitamente a população. No local, as pessoas ainda são orientadas quanto ao cuidado e manejo de cultivo das espécies.

Relacionadas