domingo, 25 de outubro de 2020

Estatísticas
Compartilhar:

Paraíba é 3º estado do país onde mais se mata negros

Beto Pessoa / 11 de dezembro de 2017
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Um jovem negro tem quase nove vezes mais chances de ser assassinado que um jovem branco na Paraíba. Os dados fazem parte do Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência, divulgado nesse domingo (10) pela Secretaria Nacional de Juventude do Governo Federal.



O resultado da Paraíba é o terceiro pior do país, atrás apenas de Alagoas (12,7 vezes mais chances de um negro ser assassinado que um branco) e Amapá (11,9 vezes). De acordo com a pesquisa, a taxa de homicídios de um jovem negro na Paraíba, em 2015, foi de 126,3 por 100 mil habitantes, enquanto do jovem branco foi de 14,2.



Além dos jovens, o estudo mostra que a Paraíba também amarga taxas problemáticas no que diz respeito à realidade social das mulheres negras, que no Estado têm 5,6 vezes mais chances de serem assassinadas que as mulheres brancas. Este é o terceiro pior resultado do país.  Em 26 Unidades da Federação a taxa de homicídios é maior entre as mulheres negras do que entre as mulheres brancas.

Relacionadas