sábado, 27 de fevereiro de 2021

Campina Grande
Compartilhar:

Paraíba deve ganhar duas mil barragens subterrâneas para enfrentar a seca

Fernanda Figueirêdo / 05 de setembro de 2015
Neste quarto ano de estiagem, agricultores paraibanos buscam alternativas para não verem o gado e a lavoura morrendo, por falta de água. Uma delas é a barragem subterrânea, tecnologia alternativa de captação e armazenamento da água de chuva no solo. Nesses locais, é possível plantar e até cavar poços que produzam água para consumo.  Em junho, com o lançamento do plano emergencial contra a seca (Programa Viva Água), o Governo da Paraíba anunciou a construção de mais 2 mil.

Em Campina Grande, o agricultor Rosinaldo Dias Ferreira, 54 anos, casado e com três filhos, foi um dos primeiros contemplados com uma barragem subterrânea, no último mês de junho. A propriedade dele possui 14 hectares e está localizada no Sítio Serra de Joaquim Vieira, distrito de São José da Mata. O agricultor foi um dos seis beneficiados pelo Programa de Barragens Subterrâneas de Campina Grande, que vai ser intensificado pela Secretaria Municipal de Agricultura (Seagri).

Leia mais na edição deste sábado (5) do Jornal Correio da Paraíba. 

Relacionadas