domingo, 20 de setembro de 2020

Enem
Compartilhar:

Primeiro dia do Enem é marcado por boatos de transmissão ao vivo da prova

Nice Almeida / 05 de novembro de 2016
Foto: Arquivo
O primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi marcado por boatos de uma suposta transmissão ao vivo, que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) tratou logo de desmentir. Outro comentário surgido nas redes sociais foi o suposto vazamento do gabarito, que também não passou de mentira, segundo o órgão organizador do Exame. Na Paraíba, 217.966 estudantes fizeram as provas neste sábado (05), porém o Inep não explicou se nesse número estão contidos os faltosos ou apenas os que não puderam fazer as provas porque as instituições estavam ocupadas, já que a previsão era de que 219.477 fizessem o Exame, no Estado.

Seis locais em quatro instituições tiveram as provas suspensas na Paraíba e os alunos que fariam o Exame nestes locais só farão nos dias 3 e 4 de dezembro. Foram suspensas as provas nos Campi da UFPB de Areia e Bananeiras (dois prédios), no Campus do IFPB de Cabedelo e no Campus da UFCG de Sumé (dois prédios).

Neste domingo (06) as provas serão de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias. Os portões serão abertos às 11h (horário da Paraíba) e fechados às 12h. As provas começam às 12h, mas têm 5 horas e 30 minutos.

Os Boatos

O Inep negou boatos de transmissão ao vivo e de vazamento do gabarito nas redes sociais. "O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informa que a suposta transmissão ao vivo de uma prova do Enem no Facebook, pelo perfil EnemFarsa, é falsa. Trata-se de uma montagem com a prova de 2015. Como ocorre todos os anos, pessoas com objetivo de tumultuar o exame espalham nas mídias sociais mentiras sobre supostos vazamentos de provas.  Para segurança de todos, o órgão recomenda que, em casos de dúvidas, sejam consultadas fontes oficiais, como o site da instituição (www.inep.gov.br), que está sendo atualizado frequentemente, e o 0800 61 61 61", informou o Inep em nota publicada no site oficial.

enem_ilustracao

 

Relacionadas