sexta, 18 de setembro de 2020

Enem
Compartilhar:

Enem: Paraíba teve a menor média de faltosos do Brasil

Redação com assessoria / 26 de outubro de 2015
Foto: Assuero Lima
A Paraíba foi o Estado do Brasil que menos registrou faltosos durante as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dois dias de provas. De acordo com as informações divulgadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), apenas 20,7% dos participantes não compareceram ao exame. Significa que dos 203 mil inscritos no Estado, apenas 42 mil deixaram de fazer a prova.

Roraima apresentou a maior quantidade de pessoas que tiveram a inscrição confirmada no Enem e não compareceram para realizar o exame. O percentual de faltosos no estado nortista foi de 34,9%, acima da média nacional de abstenção (25,5%).

"Vale destacar o baixo índice de abstenção em Santa Catarina (22,4%), menor do que a média nacional. Apesar dos problemas que o estado enfrenta com as chuvas, 77,6% dos inscritos no Enem conseguiram realizar as provas", destaca o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Chico Soares.

Os participantes inscritos dos municípios catarinenses de Rio do Sul e Taió, que tiveram as provas suspensas por conta das fortes chuvas na região, terão a oportunidade de fazer o exame nos dias 1º e 2 de dezembro. No Pará, 661 alunos da escola Nossa Senhora do Rosário, no município de Marituba, farão as provas do segundo dia  também em 2 de dezembro. As provas na escola paraense foram interrompidas devido a problemas na rede elétrica.

Os gabaritos oficiais do Enem serão divulgados até a próxima quarta-feira, 28. As provas do exame, em formato digital, estarão disponíveis a partir da sexta-feira, 30, na página do Inep na internet. A expectativa do Ministério da Educação é divulgar as notas na primeira semana de janeiro, quando também deverá sair o edital com as vagas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

Ranking da abstenção

RR - 34,9%

AM - 31,9%

MS - 30,7%

DF - 29,4%

MT - 29,2%

SP - 27,2%

RS - 26,5%

RO - 26,3%

GO - 26,2%

TO - 26,2%

MG - 26,1%

BA - 26,1%

AC - 26%

RJ - 25,4%

ES - 25,3%

AP - 24,7%

PR - 24,7%

CE - 23,8%

PE - 23,8%

PA - 23,4%

AL - 23,3%

MA - 23,2%

SE - 23,2%

SC - 22,4%

RN - 22,1%

PI - 21,2%

PB - 20,7%

TOTAL - 25,5

Relacionadas