quinta, 27 de junho de 2019
Enem
Compartilhar:

Candidatos do Enem enfrentam longas filas e congestionamentos

Nice Almeida / 05 de novembro de 2016
Foto: Sony Lacerda e Luís Carlos Almeida
Os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médios (Enem) que fazem provas neste sábado (05), em João Pessoa, enfrentaram longas filas e congestionamentos para chegar ao local onde farão o exame. Na BR 230, nas proximidades do hipermercado, havia longo congestionamento minutos antes dos portões das escolas serem fechados.

Exemplo de fila foi a Faculdade Maurício de Nassau. Dos quase 220 mil candidatos que vão se submeter às provas, na Paraíba, 4.450 deles farão na instituição localizada na Avenida  Epitácio Pessoa, e 1.020 na  unidade  da avenida Almirante Barroso.

Lá, momentos antes das provas ocorrerem, dezenas de estudantes se aglomeraram na frente da unidade da faculdade à espera do momento em que iriam entrar nas salas. Na Paraíba, os portões foram fechados às 12h e as provas foram iniciadas às 12h30. Mas, de acordo com as informações, não houve tumulto e nem problemas.

Em quatro instituições paraibanas, as provas foram suspensas e só ocorrerão nos dias 3 e 4 quatro de dezembro por conta das ocupações de estudantes que protestam contra projetos do Governo Federal. Os locais onde as provas foram canceladas foram os Campi da UFPB de Areia e Bananeiras, o Campus do IFPB de Cabedelo e o Campus da UFCG de Sumé.

Em Bananeiras, os portões sequer foram abertos e os alunos, previamente avisados, não estiveram no local.

14976178_1139074136178020_1080666092_o-1

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou que o processo de aplicação das provas do Enem 2016 estão transcorrendo com tranquilidade e normalidade. A equipe técnica, parceiros e todos os órgãos de segurança – polícias estaduais, a Polícia Federal e o Exército Brasileiro – estão de plantão, monitorando todo o país.

"Como ocorre todos os anos, pessoas com objetivo de tumultuar o exame espalham nas mídias sociais mentiras sobre supostos vazamentos de provas. O Inep informa, ainda, que as provas já foram distribuídas e estão nos locais de aplicação em segurança e com monitoramento da Polícia Federal. Para segurança de todos, o órgão recomenda que, em casos de dúvidas, sejam consultadas fontes oficiais, como o site da instituição (www.inep.gov.br), que está sendo atualizado frequentemente, e o 0800 61 61 61", informou a assessoria de comunicação do órgão.

Relacionadas