sábado, 19 de setembro de 2020

Educação
Compartilhar:

Sai 2º fascículo do Enem; Correio e Motiva apresentam dicas para candidatos

A redação / 28 de setembro de 2015
Foto: Arquivo
Faltando meno de um mês para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que serão realizadas nos dias 24 e 25 de outubro, muitos estudantes intensificam a carga de estudo na tentativa de aprender tudo aquilo que não conseguiram até aqui. Neste período, é comum que dediquem todo o tempo disponível aos livros, reduzindo as horas de sono e deixando de lado os momentos de lazer com a família e os amigos. Hoje, o Correio da Paraíba traz o segundo fascículo do Enem em parceria com o Colégio Motiva.

Mas, o que eles não sabem é que ao invés de ajudar, atitudes assim podem atrapalhar o desempenho nas provas.e.

De acordo com especialistas, essas privações podem desencadear quadros de ansiedade e estresse.

Uma boa alternativa para quem quer driblar o nervosismo e obter bons resultados no Enem, ou em qualquer outra atividade que exija concentração, é a prática de atividades físicas.

A dica é compartilhada pela psicóloga Erica Ferreira, do Hapvida Saúde, aos pacientes que chegam ao seu consultório à procura de soluções para ter bons resultados nos estudos.

A psicóloga lembra ainda que, além dos benefícios já citados, praticar atividade regularmente melhora também as funções cognitivas como a memória, a atenção e o raciocínio, fatores que somados a melhor qualidade do sono, são de suma importância para obter um bom aprendizado. “A atividade física é o melhor remédio para o corpo e a mente”, afirma a psicóloga.

7 dicas para a reta final

1. Mude a rotina de estudos

É fundamental ter consciência de que o principal foi aprendido ao longo do ano, portanto agora o momento é de mudar o ritmo dos estudos. É hora de revisar as matérias, não de correr para aprender o que não foi absorvido nos últimos meses.

2. Mantenha a calma 

E normal que a ansiedade aumente com a proximidade da prova, mas o equilíbrio emocional é um dos fatores de maior peso no resultado do exame.

3. Atenção com a alimentação

No dia da prova, a dieta deve ser de fácil ingestão. “Não abuse do tamanho das porções, mas não coma pouco, pois o período de provas é muito longo e você vai precisar de energia para encarar a maratona”, orienta a nutricionista do McDonald’s, Maria Luiza Ctenas.  O candidato deve evitar comer alimentos aos quais não está acostumado  para evitar possíveis desconfortos.

4.  Como chegar ao local da prova

Conheça o trajeto e quanto tempo leva da sua casa para o local de provas. Tente fazer o percurso um dia antes e, por precaução, trace mais de uma opção de caminhos para chegar. Faça roteiros opcionais para não se atrasar.

 5. Cuidado com a hora

Lembre que a hora anunciada para as provas segue o horário de Brasília. Em estados que não seguem o horário de verão e têm um fuso-horário diferente, é importante prestar atenção a isso. Tente chegar ao local uma hora antes.

6. Responda as questões que você sabe

Comece a prova respondendo as questões que você sabe e sente mais segurança. “Essa sensação de confiança e de estar dentro de um campo conhecido traz bem-estar e deixa o estudante mais disposto e motivado para solucionar os desafios da prova”, analisa a professora Gilsa Andrade.

6.1 . Redação merece atenção

Por ser fundamental para a nota dos candidatos, a redação exige atenção e calma.  Identifique o tema proposto, preste atenção nos textos base apresentados e, ao escrever, mantenha uma linha de raciocínio clara e coerente.  Ao final, leia o que foi escrito e faça os ajustes finais.

7. Respire para relaxar

Antes de começar a prova, procure respirar fundo algumas vezes, inspirando, enchendo o pulmão pelo nariz, e soltando o ar pela boca.  Mentalize positivamente, que você estudou e que está preparado para isso", ensina a fisioterapeuta Juliana elias.

 

Relacionadas