terça, 19 de janeiro de 2021

Educação
Compartilhar:

Falta de ônibus escolar gera confusão em Sapé

Francisco Varela Neto / 03 de fevereiro de 2017
Foto: Divulgação
Enquanto alguns ônibus escolares de algumas cidades fazem fila na porta do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), num claro desvio da função do transporte, conforme reportagem publicada na versão impressa do jornal Correio da Paraíba na quinta-feira (02), alunos universitários do município de Sapé estão sofrendo com a falta de veículos que o levem até as devidas faculdades localizadas em João Pessoa.

O problema em Sapé não é esse desvio de função. Nenhum veículo de lá foi flagrado em frente ao HU. Na verdade, de acordo com alguns estudantes, o veto ao transporte escolar estaria acontecendo apenas para os matriculados em faculdades privadas, mesmo sendo eles beneficiários de programas do Governo Federal como Programa Universidade para Todos (ProUni)  ou o Fundo de Financiamento Estudantil  (Fies).

Segundo o estudante Rafael França, que é beneficiário do Fies e estuda em uma universidade particular de João Pessoa, a aulas começaram e não tinha ônibus para seu transporte e de seus colegas. “As aulas começaram ontem e não teve nenhum ônibus. Mais de 200 alunos da minha faculdade ficaram sem aula,”, lamentou, acrescentando que se a situação continuar assim, eles irão preparar mobilizações para ir à prefeitura cobrar das autoridades uma providência.

Prefeitura explica

Segundo o secretário de Educação, Cultura Esporte e Lazer de Sapé, Kildare André Lima, o problema não foi motivado por nenhuma retaliação a estudantes de faculdades particulares. Ele explicou que a demanda foi maior que a esperada, mas garantiu que o problema já foi solucionado.

“O que aconteceu foi que houve realmente uma falta de transporte na quarta-feira, porque a demanda de estudantes foi muito grande no dia, levando em conta que era o primeiro dia de aula de uma faculdade, mas já houve transporte na quinta-feira, e a partir da próxima semana terá transporte para todos os alunos”, esclareceu.

O secretário disse que está se articulando para solucionar por completo a situação, “Nós estamos provocando um diálogo junto aos estudantes, para que possamos organizar toda essa situação”, assegurou.

Reunião

Na manhã de quinta-feira (02), alguns estudantes universitários procuraram os vereadores e se reuniram para tratar acerca do transporte universitário para faculdades privadas. Em comissão, acompanhados do presidente da Câmara Municipal de Sapé Johni Rocha e dos Vereadores Robson Guedes, Vera Do Peixe, Wilson Cavalcante e Arquimedes Natércio, a comissão de estudantes se dirigiu a Prefeitura para solucionar o impasse.

Reunidos com o prefeito e seus auxiliares diretos, ficou decidido que a partir da próxima segunda-feira os estudantes terão o transporte regularizados e terão normalizados seus acessos as instituições de ensino superior.

 

 

Relacionadas