quarta, 03 de março de 2021

Cidades
Compartilhar:

Curso ensina primeiros socorros em casos de luta corporal

Katiana Ramos / 18 de julho de 2017
Foto: Divulgação
Os atletas das chamadas lutas de contato, como judô e jiu-jitsu, além de instrutores, treinadores e socorristas, terão a oportunidade participar de um curso especializado em primeiros socorros a vítimas de acidentes ocasionados nesse tipo de prática e ainda em pessoas vítimas de lesão corporal. O evento acontecerá no próximo sábado (22), em João Pessoa.

O bombeiro civil Hélio de Melo lembrou que nem sempre os profissionais da área esportiva, como os que trabalham em academias estão preparados para usar os desfibriladores e até mesmo saber as ações básicas para socorrer uma vítima de lesão corporal. “Os traumas de contato podem ser oriundos de treinamentos, como é o caso das lutas marciais, ou ainda de luta corporal, que geralmente ocorrem em festas ou locais com grandes aglomerações de pessoas. Por isso, a importância de tanto os profissionais socorristas, como ligados ao esporte e qualquer pessoa conhecer os princípios básicos dos primeiros socorros”, reforçou Hélio de Melo.

Além de orientações sobre o uso do desfibrilador, os participantes do curso aplicado às lutas de contato vão ter informações ainda sobre os cuidados gerais para prestar os primeiros socorros em situações de emergência, ressucitação cardiopulmonar, fraturas e luxações, transportes de acidentados, hemorragias, entre outras ocorrências. Os interessados em participar devem pagar uma taxa no valor de R$60. Toda a renda arrecadada será revertida integralmente para o atleta de judô e jiu-jitsu Alexandre Carmélio, 32 anos, que está em tratamento contra um câncer no sistema linfático.

O curso acontecerá na Faculdade Internacional da Paraíba (FPB), que fica no bairro de Tambiá, na capital, e contará ainda com outros três bombeiros (entre civis e militares) especializados em primeiros socorros e resgate. Mais informações e inscrições por meio do email: helioaph@gmail.com ou pelo número telefônico (83) 99103-9772.

 

Relacionadas