segunda, 12 de abril de 2021

Cidades
Compartilhar:

Carroceiros ganham sobrevida e terão mais 18 meses para se adequar a lei

Ainoã Geminiano / 17 de fevereiro de 2016
Foto: Arquivo
Depois de dois protestos em avenidas principais de João Pessoa, os carroceiros conseguiram um ano e meio de prazo para deixarem de circular com seus veículos de tração animal pela cidade, sem terem os bens apreendidos. A carência para a validade da Lei 13.170/2016, que proíbe o trânsito desse tipo de veículo, a condução de animais com carga e o trânsito montado nas vias asfaltadas e calçadas da Capital, foi anunciada após um protesto na manhã de ontem.

O ato foi liderado por Carlos Santos de Sousa, que trabalha há 20 anos como carroceiro e do veículo tira o sustento da família. “Assim como eu, meus colegas também dependem da carroça e do animal, para conseguir o sustento. Fizemos um investimento alto nesses bens, dentro da nossa realidade financeira e não podemos perder tudo assim de uma hora para outra. É preciso que a prefeitura encontre uma forma de nos ajudar”, afirmou.

Durante o ato de ontem, Carlos e outros dois representantes dos carroceiros foram convidados a se reunirem com o secretário de planejamento Zenedy Bezerra, que ofereceu uma alternativa. “O autor da Lei vai apresentar uma emenda, concedendo um prazo de 18 meses para a adequação, tanto do poder público que vai fiscalizar, quanto dos trabalhadores. Nesse período, faremos um cadastramento de todos os carroceiros, que serão inseridos no programa de renda do Banco Cidadão, com a possibilidade de obterem crédito para fazerem a transição de veículo de tração animal para outro tipo de tração”, explicou.

O secretário disse ainda que, se a Prefeitura tivesse que iniciar a fiscalização hoje, não teria um local para guardar os animais e carroças que fossem apreendidos, de forma que não promovesse maus tratos. “Precisamos nos preparar nesse sentido, porque não adianta existir a Lei e não termos condições de cumpri-la”, acrescentou.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas